Kashimashi: Girl Meets Girl - Ele se torna uma garota e... ~ Netoin!

domingo, 9 de setembro de 2012

Kashimashi: Girl Meets Girl - Ele se torna uma garota e...

Kashimashi: Girl Meets Girl.

Quando se fala em animes que abrangem uma temática definida por "x" ou "y", de imediato aparecem os fãs e os odiadores de plantão. Se a obra mostrar ser dedicada à temática e desenvolvê-la bem, a maioria das opiniões serão favoráveis onde, obviamente, o contrário também poderá ocorrer.

E se este obra mostrar, além da temática principal, outras em paralelo? O sentimento poderá ser o mesmo. Na verdade, tal característica engrandece a obra. Indo um pouco mais adiante, não ficar preso ao alicerce e desenvolver o conhecido "algo à mais" pode fortalecer o título. Mas sempre com aquele cuidado sobre o efeito oposto...

O porque de tais parágrafos introdutórios é simples: o anime que será tratado, nas próximas linhas, aparenta ter uma gritante simplicidade em sua história que, no prosseguimento de seus episódios, desenvolve-se bem e ainda consegue divertir em certos momentos.

Amigo visitante, esteja convidado à conhecer um pouco mais sobre o anime Kashimashi: Girl Meets Girl.

Uma introdução para a história do anime...

Hazumu, originalmente.

O anime tem um início básico, simples, mas interessante. De imediato, você é apresentado a um jovem chamado Osaragi Hazumu. Ele é bem quieto, de pouca expressão facial e um amante da mãe natureza em potencial. Mas ele é bem visto na escola justamente por tais características. Entretanto, algo está preso na mente do rapaz...

Esse algo remete à uma negação de declaração. Em outras palavras, o Hazumu foi recentemente rejeitado. Quem partiu o coração dele foi a graciosa Kamiisumi Yasuna. Uma jovem quieta, de olhar profundo, fala branda e muito dedicada em suas atividades rotineiras. Apesar de todas estas qualidades, ela fez o rapaz sofrer.

Por ter um comportamento tão tímido e neutro, Hazumu jamais teria a coragem suficiente para se declarar a sua amada. Para tanto, uma grande amiga de infância tomou conta do rapaz e fez ele enxergar o óbvio, que seria agiar como um verdadeiro homem no momento oportuno. A responsável por tal feito chama-se Kurusu Tomari.

Yasuna, em um momento de felicidade...

A Tomari sabe muito bem como o Hazumu age, se comporta e vive a sua vida. Alguém que ela sempre olhou e cuidou, com muito esmero. Mas ela é alguém bem diferente do rapaz. A Tomari é atlética, uma esportista nata. Sua personalidade é forte e tende à dizer o que pensa diretamente. Ou melhor: assim ela costumava agir...

O anime gira em torno deste trio e nele se desenvolve, sendo que isto deve ter ficado bem notório neste momento. Um acontecimento com o Hazumu tende à dar maior veracidade para tal fato. Uma ocorrência na qual a sua vida mudaria para sempre e que impactaria no convívio de todas as pessoas ao seu redor, incluindo seus pais, sua professora ( Tsuki Namiko, com 35 anos e que nunca namorou ), seu melhor amigo ( Soro Asuta, que tem um comportamento peculiar frente às mulheres ) e uma jovem ( Mari Ayuki, incrivelmente adulta e detentora de grande senso de responsabilidade ).

Tal acontecimento envolve uma nave alienígena e uma mudança total de sexo. Visitante, mantenha-se com calma pois, em breve, entenderás onde que uma situação se faz ligar à outra.

A compreensão da história...

Hazumu, agora uma moça. Comportamento não condizente. Pobre Tomari...

Enquanto estava em uma montanha, pronto à tentar esquecer o fora que havia levado, Hazumu foi atingido em cheio por uma nave alienígena, que estava invisível durante toda a viagem. Mas um problema técnico fez a mesma perder tal característica e potência, chocando-se com a Terra. O impacto foi forte o bastante para acabar com a existência do rapaz...

Mas ele foi salvo. O alienígena que estava na nave comunicou-se com todos os terráqueos, lamentando o corrido. Mostrou uma imagem do rapaz, já com vida. Mas isto teve um preço inimaginável: o sexo de Hazumu foi alterado por completo. Agora é a Hazumu, fato este que causou um impacto direto na vida de sua família e amigos, tal como se fez adiantar parágrafos atrás.

Para um rapaz que se tornou uma garota, abruptamente, perder certos costumes não seria nada fácil. E não foi. A Tomari acabou encampando a ideia de fazer com que Hazumu agisse definitivamente como uma garota, em todos os sentidos. E o anime ganha pontos neste segmento, dadas as situações que se fazem apresentar e a forma como as mesmas prosseguem, para que tal intuito da Tomari fosse adiante.

Os pais de Hazumu: grandes "figuras" do anime...

O pai da Hazumu ( sim, pois agora é uma moça ) mostrou ser um tarado em potencial querendo, de todas as formas, registrar em fotos as silhuetas e participar da vida de sua nova filha mais diretamente, fatos estes que fazem a sua esposa entrar em ação com propriedade. Na escola, na cidade toda, a Hazumu não tem paz por ser alvo de muitos questionamentos sobre a sua nova vida, como uma garota.

Além disto, seu melhor amigo passou à ficar totalmente sem jeito perto dela. O Asuta passou à desejar, em seu subconsciente, ter seu ex-melhor amigo ( e atual melhor amiga ) para si, como namorada e algo à mais. A Tomari passou à cuidar ainda mais de sua ( nova ) amiga. Mas alguém passou à observar tudo de longe, com olhos tristes que escondiam um grande arrependimento em seu interior...

No caso, a Yasuna passou à se interessar pela Hazumu.Um sentimento crescente na medida em que ela acompanhava a moça à distância. Entretanto, a Yasuna não era exatamente a única pessoa que nutria um sentimento especial pela protagonista maior do anime. A Tomari, que conhecia Hazumu desde épocas tenras da infância, já tinha uma queda por tal personagem quando este era um rapaz. Mas o dia a dia acabaria sendo mais cruel que o esperado...

Em pauta: a seriedade e o nonsense

Momentos de romance.

Kishimashi é um anime que, como já se fez notar, tem um início muito básico e até bobinho. Entretanto, o mesmo esconde um grande e notável desenvolvimento. O trio principal de personagens é responsável por todos os momentos de tensão e de acompanhamento total deste título.

Por mais que Hazumu seja agora uma garota, os sentimentos pela Yasuna não desapareceram. De igual forma, aquele querer bem escondido no coração da Tomari quanto à Hazumu também não diminuiu. O início mostrou um grande descontentamento de ambas ( em especial da Tomari ) com a mudança sexual da Hazumu. Uma incógnita talvez se faz lançar, pois as garotas não eram lésbicas ( propriamente dito ).

O que ocorre no anime é o que se pode chamar de visualização do sentimento verdadeiro ( que será tratado mais adiante ). Mas as dores e os machucados tendem à aparecer, na mesma força e intensidade com que o romance começa à aflorar para este trio de personagens.

Questionamentos sobre a conduta da Yasuna vão aparecer, pois ela havia rejeitado Hazumu anteriormente e agora está atrás dela. Vai se questionar o modo como a Tomari esconde os seus sentimentos referentes à protagonista maior do anime. E também entrará em xeque, de forma impactante, o modo como a Hazumu trata as duas garotas, onde a escolha de não machucar ninguém poderá levar ( em tese ) à dores ainda maiores.

Momentos de descontração.

A Yasuna possui um grande segredo ( apesar de tudo ), sendo algo que impacta na sua vida de diária e que poderá explicar, de forma contundente, a razão pela qual ela havia rejeitado Hazumu quando este ainda era um rapaz. A Tomari possui um grande dilema para enfrentar pois, como diz sabiamente a Ayuki, ela terá de optar entre "ficar no palco" ou "agir". E a Ayuki tem um diferencial importante no enredo, graças ao seu modo adulto de agir, que poderá ser necessário para o pleno desenvolvimento da Hazumu.

Contudo, Kashimashi possui momentos de relaxamento, ideais e certeiros para se quebrar o gelo nos momentos mais cruciais possíveis. Interessante citar o melhor amigo de Hazumu, o Asuta, como responsável por vários destes momentos. Se haverá um momento de sensatez para ele, em alguma parte do anime, não passa de incógnita. O certo é frisar que a Tomari estará lá para atrapalhá-lo.

A professora de 35 anos de idade, que jamais teve um namorado em sua vida, tem seus momentos de repercussão neste anime. Muito embora seja bonita, a Namiko é incrivelmente desajeitada e péssima usuária de seu cérebro, o que acaba impactando em muitos momentos de descontração com ela.

O próprio alienígena, que está em uma missão na Terra, é responsável certeiro pelos momentos de nonsense puro e direto do anime. Aparentemente ele não se importa muito com ética pessoal e características similares. Ele é alguém de fala direta e fria. Mas parece que há uma razão muito forte para que ele haja desta forma, algo ligado à sua civilização. Algo ligado à sua observação dos terráqueos...

Entendendo o amor...

O amor sabe ser doído. Pode ferir e machucar...

Kashimashi procura falar de sentimentos. Em si, a obra trás à tona tudo que envolve o maior dos sentimentos humanos. Em tese, o anime poderia centrar-se no romance puro entre garotas e assim prosseguir. Contudo, o desenrolar da obra tende à mostrar para você algo que vai ainda além disto.

Fala-se de confiança, de responsabilidade e de amizade. Diretamente, a união do poder destas três palavras traduzem o real significado do que vem à ser o amor. Não obstante à isto, Kashimashi mostra o como que a falta de apenas uma destas palavras faz uma grande ( e dolorosa ) diferença no resultado final. E aqui se faz tratar da convivência, suportada por cada palavra e cada gesto.

A Hazumu tem que mostrar muita força. No contexto do anime, ela era originalmente um rapaz que, por acidente surreal, acabou mudando de sexo. Sem saber se a mudança era essencial para sua sobrevivência ou não, a Hazumu tem que aprender à ser uma garota em um ambiente sentimentalmente ativo. É a dor andando ao lado da felicidade.

O anime lhe faz este convite. Kashimashi possui este fundo especial e de tênue linha em seu enredo. Ele parte de um gênero à outro para converter-se em um shoujo-ai de respeito. Uma obra que instiga a curiosidade, no intuito de saber se o trilo termina bem, se alguma escolha tem de ser feita, se a Hazumu volta à ser um rapaz, entre tantas outras questões.

Objetivamente

Tomari, Hazuma e Yasuna: o que estará esperando por este trio?

Kishimashi consegue fazer um enredo básico converter-se em uma obra de grande cunho sentimental. Este anime foi exibido originalmente em 2006, na primeira temporada de animes daquele ano, através da TV Tokyo. Ao todo, doze episódios ( e mais um OVA, lançado em outubro do mesmo ano ) foram entregues pelo Studio Hibari. A obra ainda possui um jogo para PlayStation 2, mangá e light novel.

Incrível notar que o visual do anime não chama a atenção de forma tão impactante, muito embora esbanje grande carisma. Isto é resultado da ligação perfeita entre cenários e personagens, proporcionando um visual agradável ( mas nada que marque um período, mesmo para o ano de seu lançamento ). Na parte sonora, o anime cumpre um bom papel, com as mesmas características citadas sobre a sua parte visual.

Este anime possui qualidades chamativas e interessantes, que acabam fazendo com que Kishimashi: Girl Meets Girl seja aqui recomendado. Caso tenha a oportunidade assista à este anime, amigo visitante. E descubra o que acontecerá ao trio de personagens que buscam descobrir qual é o verdadeiro sentimento em seus corações...

Até a próxima.

O NETOIN! e seus canais de comunicação com você, visitante!
- Facebook ( a FanPage ); Twitter ( siga o blog ); E-mail ( comunique-se ) -

[ made in NETOIN! ]

----------------------------------------------------------------------------------------------

Acesse o site oficial de Kashimashi: Girl Meets Girl ao clicar aqui.

O autor do NETOIN! é...
Carlírio NetoCarlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade deste humilde blogueiro. Veja um pouco mais sobre o autor do blog NETOIN!aqui.

  • 10Blogger
  • Disqus

10 Comentários

  1. Olá, caro Carlírio Neto!

    Essa série é simplesmente magnífica! Quando eu a encontrei, não esperava nada muito complexo, na verdade, pensei que seria apenas uma comédia com piadinhas shoujo-ai, e fui surpreendido por um enredo que amadurece e desenvolve, como bem ressaltado pelo seu texto, os sentimentos envolvidos. Não apenas a questão amorosa, mas a questão dos sentimentos da/do Hazumu com sua nova situação, e até mesmo o alienígena, que aparentava ser apenas uma ferramenta cômica, e no fim, se mostra um ponto de vista interessante sobre as relações entre pessoas. Eu, que esperava apenas boas risadas com os episódios, acabei por encarar de forma mais filosófica e fui levado a pensar em questões mais profundas do que eu cogitei que o anime me faria, e me apaixonei pelas personagens, a forma como se relacionam, e tudo que representam.
    Mais que recomendada, mesmo àqueles que tipicamente não apreciam o shoujo-ai.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações

      Jovem Fellipe, prefiro contextualizar Kashimashi como um tipo de [shoujo-ai diferenciado], tal como sugeri ao defini-lo no ápice de passar de gênero à gênero até chegar ao contexto de um bom shoujo-ai.

      Há coisas que prefiro sempre deixar [no ar] em meus textos, Fellipe. Uma delas foi o caso do alienígena, que estava em uma missão na Terra. Interessante instigar a curiosidade no sentido de saber se não houve, ao acaso, uma segunda intenção dele ao transformar Hazumu em garota para que este sobrevivesse. Pode ser apenas uma vã teoria de minha parte, mas fascina ainda assim.

      E tens muita razão quando citas o desenvolvimento da Hazumu, como garota. Como já se não bastasse ter de lidar com a sua nova vida (e novo sexo), ainda terá que saber diferenciar muito bem as coisas sobre os seus próprios sentimentos para com as jovens Yasuka e Tomari. É o grande ponto alto de Kashimashi e merecedor de forte atenção.^^

      E sim: recomendo o anime, especialmente para quem venha à ter algum [preconceito bobo] com histórias shoujo-ai. Este título tem uma proposta bem interessante para tanto.

      Venha sempre que quiser à esta casa, jovem Fellipe.


      Até mais!

      Excluir
  2. Obrigado pelo artigo, adicionei este anime a minha lista pessoal de animes que preciso assistir =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações

      Que bom que gostaste, Fábio.
      Deixe as suas impressões sobre o anime mais tarde...


      Até mais!

      Excluir
  3. Olá!!
    Lendo essa resenha senti vontade de assistir o anime, já está anotado. E enquanto lia, fiquei imaginando quantos episódios ele teria, o que se tornou surpresa... pois achei que ele teria mais episódios. 26 para ser exata. ^^
    Mesmo não sendo fã de shojo-ai, esse anime parece que tem algo que prende o espectador para poder assisti-lo.

    Até a próxima!!
    Desculpe não poder comentar nos outros post desse magnifico blog. Ando desanimada por causa da situação de "poucos comentários" do meu!! xD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Naty, não precisas se desculpar...
      Eu aprecio cada visita, em especial.
      Se a visita é convertida em um comentário, melhor ainda. E se o mesmo é redigido com palavras como as suas, agora, ainda melhor...

      Kashimashi assisti "ao acaso". E a recompensa foi melhor do que toda e qualquer encomenda possível. Digno de indicação, com toda a seriedade.

      No que diz respeito ao seu [desânimo], digo-lhe: continue firme. O NETOIN! não recebia muitos comentários até 2010 mas, depois de algumas parcerias feitas e de dicas espetaculares de outros blogueiros e de visitantes desta casa, o cenário mudou para a melhor. Deixei detalhes em seu blog, ok?^^


      Até mais!

      Excluir
  4. Mais um que devo conferir por indicação do blog. E principalmente neste estilo que suas recomendações são certeiras.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações

      Começo à ficar mal acostumado com tais palavras, nobre @Açougueiro@.
      Assistas o anime e opine sobre o mesmo.^^

      Até mais!

      Excluir
  5. O que eu posso falar da série número 1 do meu top 5 myanimelist...

    Fantástico. Só isso e nada mais. :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações

      Que bom receber a visita de mais uma pessoa que aprecia este anime.
      Seja bem-vindo, rapaz.


      Até mais!

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons