Especial: momento de ternura com Binchou-tan... ~ Netoin!

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Especial: momento de ternura com Binchou-tan...

A chamada para a última parte do Especial de Sexto Aniversário do NETOIN!.

As festividades pelo sexto aniversário do blog estão chegando ao fim. Uma vez que os tópicos anteriores tiveram uma recepção calorosa e bem-vinda, o encerramento tem que ser propício igualitário, ficando o mesmo concebido dentro daquilo que se conhece pelo modo NETOIN! de ser.

Este humilde blogueiro fica muito contente em deixar tal fato em evidência, pois quando se fala em modo de ser automaticamente é possível entender como tradição. Desta forma, uma obra muito calma e tranquila, de cunho mais infantil e forrada de cores por todos os lados é que ganhará o seu merecido espaço neste blog.

Amigo visitante, você é o convidado de honra para prestigiar a centésima primeira review de anime do NETOIN!, que encerrará os posts especiais de sexto aniversário do blog. Este humilde blogueiro espera que o texto à seguir seja de seu apreço, pois o mundo fofo de Binchou-tan tomará as ações daqui por diante. Tenha uma boa leitura.

Binchou-tan!: bin, bin, bin!

 O logo do anime.

A primeira característica deste anime que precisa ser citada não está atrelada ao seu conteúdo, nem tão pouco ao grupo de personagens que se faz presente, mas sim ao estúdio responsável pela sua animação. Isto porque vem à se tratar do DEEN, estúdio mais conhecido por trabalhar com títulos cujo teor seja mais sério ou violento. Sendo um anime da primeira temporada do longínquo ano de 2006, Binchou-tan acaba sobressaindo-se por seu imenso valor carismático, ao longo de seus doze episódios.

É necessário ressaltar que o anime foi exibido, na verdade, com um total de seis episódios em sua forma completa, cada um destes divididos em dois (resultando em doze). Propícia e certeira a atitude citada, tendo em vista que a obra em questão não possui um enredo que guarde algum segredo, ou que minimamente venha à fazer com que você pense sobre as ações de cada personagem.

Binchou-tan, por sinal, é o nome da protagonista do anime. Uma pequena criatura de cabelo azul que vive sozinha, distante da cidade em sua pequena e ajeitada casa. A vida desta personagem baseia-se, unicamente, no convívio com a natureza que a cerca, com os amigos que segue fazendo no decorrer dos episódios e, principalmente, por ser altamente positiva com pouca coisa (falando da forma mais relativa possível).

Binchou-tan dormindo...

Para a pequena protagonista, enfaticamente não há nada que não possa ser feito em sua rotina. Contudo, as atividades de Binchou-tan são sempre encaradas com uma simplicidade extremamente chamativa. Ela não se deixa levar por fatores externos e, mesmo estando sozinha, a personagem por tudo agradece e reverencia, dia após dia. Uma política de vida que não deixa de ser interessante.

Todo o grupo de personagens que aparece, no decorrer da obra, consegue agir de igual forma à protagonista, guardando logicamente as devidas proporções. Por exemplo a Kunugi-tan, que é uma garota rica e rodeada por muitos criados que cuidam dela diariamente. Muito embora possua uma vida bem ajeitada financeiramente, a pequena Kunugi-tan não tem amigos, o que faz dela uma personagem muito solitária no anime.

Além dela pode-se citar a Chiku-tan, uma garota que simplesmente adora ajudar os demais. Como a sua família possui um tipo de farmácia, sua especialidade está em auxiliar as pessoas com pequenos curativos. A sua irmã mais nova, por sua vez, adora imitá-la mesmo nas situações menos apropriadas, sendo este o comportamento da pequenina Chiku-rin. E o escopo da série Binchou-tan começa à ser moldado...

Do que se trata o anime?

Kunugi-tan e Binchou-tan em um campo de flores...

O anime não possui um pano de fundo e nem se dá ao trabalho de tentar produzi-lo. Todo o escopo e centralização de ideias em Binchou-tan está, harmoniosamente, nas atividades calmas e tranquilas nas quais suas personagens se envolvem diariamente. Tudo aparenta ser moderadamente perfeito neste pequeno e simplório universo.

Mas toda esta calmaria consegue entreter, e isto é algo muito positivo para o anime. Trata-se de uma obra cuja atmosfera procura unir a leveza da vida em meio à natureza, com as ações pertinentes a briga cotidiana pela sobrevivência. E tudo isto regado a uma simplicidade notável e muito sólida, com direito a uma interação cem porcento certeira entre o elenco e seu ambiente.

Como já foi ressaltado anteriormente, a Binchou-tan tem uma vida bem solitária. Porém confortável, dentro das possibilidades da personagem. Em tudo ela consegue ver um motivo para aquele agradecimento, mostrar um gesto confortante de alegria, onde até o uso de palavras extremamente básico em seu vocabulário consegue ser um ponto positivo.

Binchou-tan e Chiku-tan no campo...

Quando citou-se a questão da briga pela sobrevivência se faz dar margem a uma questão bem presente na vida de muitas pessoas (para não dizer todas, enfaticamente). Isto porque a pequena Binchou-tan está sempre à procura de um emprego na cidade, para poder ser manter melhor e sem grandes preocupações. E muitas são as situações em que a personagens quase entra em um singelo desespero por fracassar em alguma coisa, o que poderá lhe render aqueles momentos certos repletos de sentimentos de pena (para querer auxiliar a personagem) ou de alegria (ao notar como que para tudo ela tem um agradecimento pronto).

Não distante disto, o anime Binchou-tan procura mostrar como as amizades podem ser cativadas de uma forma mais alegre, sadia e sem grandes complicações. A obra oferece à você dicas diretas disto bastando, para tanto, notar cada ação imposta pelo singelo e carismático grupo de personagens que a mesma possui. Chega à ser fascinante notar que, mesmo que com tão simples palavras e gestos, quase tudo acaba se resolvendo de uma forma harmoniosa e (por que não enfatizar) eticamente elegante.

Além disto tudo, o anime reconforta o espírito com seu enredo tão básico e descomplicado. Binchou-tan não busca mostrar uma história digna de menção por anos ou algo que cause impacto fulminante, pois tudo que o anime demonstra querer conquistar é aquele famosos espaço reservado em seu coração, amigo visitante.

Algumas considerações de importância

Binchou-tan e uma refeição basicamente feliz...

Sendo algo diretamente atrelado ao anime, a calmaria tudo comanda em cada episódio. Muito embora existam algumas passagens que buscam tentar ser "mais fortes" sentimentalmente, Binchou-tan é um título que acaba ficando totalmente preso na já mencionada atmosfera agradável que, aparentemente, não possui grandes complicações. Fatalmente, tal característica poderá afastar muitas pessoas deste anime.

Tem-se aqui uma obra mais voltada ao público infantil que, guardadas as devidas situações, poderá fazer com que lágrimas escorram pelo rosto de alguns adultos ao assistirem o anime. Este é um fator muito compreensível e certeiro, tendo em vista que a obra consegue ser tocante o bastante no quesito amizade, ainda mais pela forma com a qual certas situações acabam sendo resolvidas.

Podendo ser considerado como um fator de grande importância, Binchou-tan não se incomoda nem um pouco em tentar mostrar uma ambientação quase utópica. Para uma obra cujo direcionamento é o público mais infantil, tal característica teria mesmo de se fazer presente. O grande porém está justamente na falta de um acontecimento maior no anime, que consiga prender a atenção em um nível que apresente ao menos um pouco de angústia. Isto, na visão deste humilde blogueiro, é algo que não faria mal algum e poderia ser convertido em um ponto muito positivo para o anime em si.

Por fim, este anime lhe pede licença apenas para aquele momento de descontração. Binchou-tan tem uma proposta tão amigável e simplória, que certamente o anime  poderia ser considerado como um tipo de esboço para um mundo ideal (ou hipoteticamente próximo da perfeição) sendo isto, obviamente, atrelado a concepção de mundo que uma criança possui. Entretanto, o anime pode acabar lhe fisgando de forma certeira e fazer com que você fique, inclusive, suspirando de tranquilidade em várias de suas passagens.

Objetivamente

O pessoal e um momento de confraternização...

Binchou-tan, como se fez possível observar, é um anime que busca primar pelo carisma de seus personagens e também na forma como as suas vidas se fazem conduzir, episódio após episódio. Disparadamente, este é o maior trunfo que o título tem ao seu favor e, de forma bastante singular, o mesmo acaba sendo de grande merecimento.

Tecnicamente, o anime não decepciona. Na parte auditiva podem se destacar as melodias presentes durante cada episódio, que conseguem auxiliar bastante no que diz respeito à imersão do telespectador na ambientação calma e próspera deste título. O tema de encerramento, "Binchou Ondo", consegue ser muito digno de nota. A parte visual de Binchou-tan é muito bonita de se notar, prevalecendo um bom uso das cores e com a aparição muito bem caprichados, bem acima da média para os animes de qual temática.

Por tudo que foi aqui mostrado, este humilde blogueiro indica o anime Binchou-tan para ser por você assistido. É bem verdade que tudo neste título é belo e bonito, mas às vezes é esta mesma beleza que tanta falta acaba fazendo em muitos corações por este mundo afora...

Amigo visitante, até a próxima.

Acesse o site oficial de Binchou-tan ao clicar aqui

O mundo NETOIN! está presente no Facebook e no Twitter

[ made in NETOIN! ]

Muito obrigado à você, amigo visitante, por ter 
acompanhado esta trajetória especial de posts comemorativos, 
em razão do sexto aniversário do blog.

Este, realmente, é o modo NETOIN! de ser.


O autor do NETOIN! é...
Carlírio Neto Carlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade deste humilde blogueiro. Veja um pouco mais sobre o autor do blog NETOIN!aqui.

  • 6Blogger
  • Disqus

6 Comentários

  1. Noooooooossa! Faz tanto tempo que eu ví Binchou-tan, eu realmente amava ver, pena que é tão pequeninho!

    Falando no encerramento, aquele ondo é muito fofo!
    "Binchou-tan, asore! Binchou-tan! Ganbariya-san no Binchou-tan!" Adooooro! ;)

    Minha mãe vive dizendo: "Deixa de ser preguiçosa, tu tem que ser que nem aquela menininha!" - (Adivinha quem é a menininha? Binchou-tan! kkk! É sério!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações

      Bem-vinda a esta humilde casa novamente, amiga NinhaPaz.

      Binchou-tan é um anime tão meigo que, abruptamente, tudo que aqui descrevi sobre o mesmo poderia ser resumido somente na palavra citada por mim...^^

      Sério que sua mãe lhe mandava ser igual à Binchou-tan? Caramba, esta é "a" novidade sonora para mim...^^

      Aguarde o post de ano novo, pois esta música fará parte dele.


      Até mais!

      Excluir
    2. Sério, minha mãe tbm gosta de animes, quando eu vi esse, ela viu alguns episódios tbm. Mas embora goste, ela não tem muito tempo para essas coisas, fora que ela não gosta de ver no pc, só na tv. Então eu procuro sempre gravar filmes ao invés de séries para ela poder ver, ela adora os do Ghibli, de vez em quando fica cantarolando "Ponyo, ponyo, ponyo sakana no ko..." - Até já foi em um evento comigo. ;)

      Excluir
    3. Saudações

      Isto é muito positivo, NinhaPaz. Mais ainda pelo fato de sua mãe gostar de animes tão simples e fofos...^^

      Ela já assistiu Mimi wo Sumaseba? Acho divina esta obra do Ghibli... Muito mesmo.

      Você tem que cultivar isto muito bem com a sua mãe, amiga NinhaPaz. Parece ser mesmo muito legal isto (em minha adolescência, minha mãe assistia Shurato comigo e com meu irmão mais velho).^^

      Contente por ti, NinhaPaz!=)


      Até mais!

      Excluir
    4. Haaaaaaaaaai! Agradeço muito pela mãe que tenho e sim, já vimos Mimi wo Sumaseba! ;)

      Excluir
    5. Saudações


      Nossa...
      Eu escrevi irmão mais velho ali no comentário sendo que eu sou o mais velho da casa... Vergonha aqui e...^^"

      E sim: cultive isto o quanto puder, jovem amiga.^^


      Até mais!

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons