A calmaria tem nome: Gingitsune! ~ Netoin!

domingo, 13 de outubro de 2013

A calmaria tem nome: Gingitsune!

O logo da obra.

Um anime cujo propósito está na calma e na tranquilidade com a qual seus eventos vão passando, um após o outro. No dito segmento pragmático de um bom slice-of-life, Gingitsune surge como candidato máximo da temporada outubro'2013 para o posto de calma e graciosidade, com um enredo pautado na convivência entre uma jovem humana e u Emissário (que seria a criatura formadora do elo de ligação, entre os Deuses e os sacerdotes de um templo).

É muito fácil para a minha pessoa deixar para você, amigo visitante, uma breve impressão sobre o que poderás esperar deste anime, após dois episódios do mesmo terem ido ao ar. Como mensurado mais acima, você é chamado para acompanhar o cotidiano de uma garota chamada Saeki Makoto. Ela é normal de toda e qualquer forma, não importando com qual ângulo você a observe. Inclusive, a sua normalidade está esboçada no próprio comportamento.

A Makoto está buscando conhecer melhor as suas responsabilidades no Templo de seu pai, o qual ajuda a cuidar. Com isso, revela-se gradualmente o modo de viver da garota que, em outras peculariedades, sente medo do futuro, se preocupa com o que as outras pessoas venham à pensar dela e, acima de tudo, que está aprendendo a lidar com as suas atividades. O último termo é ainda mais chamativo, pois a Makoto possui um dom especial, que nem mesmo seu pai tem.

Isto se deve ao fato de ela poder ver o Emissário do Templo Inari. O mesmo tem a forma de uma raposa, extremamente alta e que aparenta possuir muita força. Tal ser possui um comportamento deveras tranquilo, aparentando até ser um tanto quanto vagabundo em suas ações e falas mais corriqueiras. Este é o Gintaro. Embora seja muito calmo em seu modo de agir, o Emissário consegue prever o futuro. Como a Makoto ainda está na chamada fase de conhecimento sobre seus deveres e afins, a jovem acaba usando de forma errônea o dom que tem, sendo que isto ficou bem pautado no episódio inaugural do anime.

Conflitos pessoais já se fizeram presentes em Gingitsune.

Feitas as devidas apresentações, você já pode prever a sequência do anime até o seu final. Minha pessoa costuma exaltar o apreço que tem por slice-of-life, nas mais diferentes redes sociais e também em fóruns, e Gingitsune deverá realmente se colocar entre os destaques do ano neste gênero. Para ser mais cético e direto no ponto, o anime deverá focar no cotidiano de seus já apresentados protagonistas. Entretanto (e positivamente citando) outras ações paralelas tomaram causa e espaço, o que certamente auxiliará no engrandecimento e compreensão da obra.

Nos dois episódios já exibidos houveram dois tópicos tratados. O primeiro deles foi a apresentação, mostrando os conflitos que haverão de ser vivenciados pelos protagonistas (em especial a Makoto, que deverá combater muitos de seus temores internos para chegar a uma compreensão sadia do mundo que a rodeia, como uma adolescente que é). Por sua vez o segundo tópico foi justamente sobre o que acontece no cotidiano da Makoto, mas fora do templo. No caso a ambientação escolar, onde conhecer melhor as pessoas acaba sendo uma grande aventura pessoal para a jovem protagonista.

Muito embora não seria o correto muito esperar, é possível sim elogiar o modo com o qual Gingitsune é trabalhado tecnicamente. A arte no traçado dos personagens encontra-se na mais plena harmonia com os seus cenários. O uso apropriado de cores também auxilia neste quesito. O correto a se mensurar aqui é que o anime realmente agrada aos olhos pois, mesmo não sendo um espetáculo visual ele entrega aquilo ao que se propõe, com todas as honrarias possíveis. N aparte acústica pode-se aqui destacar a boa atuação dos dubladores (seiyus, no original japonês), sobretudo no que tange a atuação do Gintaro (que já é citado em diversos sites e blogs da área como candidato a um dos personagens de destaque em 2013).

Minha pessoa está contente com o que pôde ver em Gingitsune, desde a sua proposta até o modo como a mesma vem sendo executada. É possível que o anime chame ainda mais a atenção nos próximos episódios, da mesma forma que ele possa vir à ficar em sua linha de conforto e não sair dela em nenhum momento. Independente do que o futuro possa reservar, é correto afirmar que este anime merece ser por você observado, nobre visitante.

Imagens...


Ato - O Gintarou durante uma demonstração de seu poder de prever o futuro. A grande raposa pode sim aparentar ser bem relaxada, mas na verdade é um ser no qual se pode confiar...


Auxílio - A Makoto ainda passará por várias provações, no que tange a capacidade que ela tem de poder ver o Emissário. O primeiro episódio apenas deu uma introdução para o fato...


Conhecimento - É possível fazer com que duas pessoas tão diferentes em seus comportamentos se entendam? Esta é mais uma das perguntas que o anime deverá desbravar em sua sequência...


Declaração - É bem verdade que, em vários momentos, a Makoto e o Gintarou haverão de discutir. Mas as gentis palavras da jovem, ao final do segundo episódio, foram realmente impactantes. Nada melhor do que ouvir a frase "eu te amo" com aquela sinceridade...

Até a próxima, visitante!

Comentários semanais de Gingitsune no
blog parceiro Kimono Amarelo (veja a chamada ao clicar aqui)

Gingitsune está no Crunchyroll Brasil. Acesse sua página, clicando aqui

O NETOIN! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in NETOIN! ]


O autor do NETOIN! é...
Carlírio Neto Carlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade deste humilde blogueiro. Veja um pouco mais sobre o autor do blog NETOIN!aqui.

  • 8Blogger
  • Disqus

8 Comentários

  1. Achei muito legal esse blog, rs ! Eu já vi os dois primeiros episódios e me agradou pra caramba, o jeito calmo do anime contar a história, eu tou curtindo bastante, na verdade, superou minhas expectativas. No mais, curti bastante o seu texto. .:)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Agradecido, nobre.
      Realmente, espero que Gingitsune continue como está, o que por si já será ótimo!^^


      Até mais!

      Excluir
  2. Gostei do texto. Gingitsune está me agradando bastante. Por enquanto está no meu top da temporada.

    Até!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Gingitsune é um anime deveras muito meigo...
      Sorrio só em assistir a obra, nobre amigo.


      Até mais!

      Excluir
  3. Não sou uma pessoa de ver muitos animes, mas estou viciado em Gingitsune! É gostoso assistir essa série, pois aprendo muito sobre o lado espiritual japones.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Gingitsune é o sinônimo direto de honestidade em seu processo e entrega de um expectativa, no que tange à animação japonesa...^^


      Até mais!

      Excluir
  4. Eu amei gingitsune é meio que "parecido" com fruits basket ^^ amei o enredo e o gin kkkkkk'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações



      Gingitsune é realmente um ótimo anime...
      é muito difícil não gostar da premissa usada no mesmo...^^


      Até mais!

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons