Coppelion - Episódio #5: mistério e revelação! ~ Netoin!

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Coppelion - Episódio #5: mistério e revelação!

O sinal do perigo iminente.

Quando a humanidade colhe aquilo que planta e não se vê satisfeita com isso...

Gritante. Possivelmente esta seja apalavra que melhor pode definir o quinto episódio de Coppelion, que resolveu apresentar aos seus telespectadores tudo aquilo que se defina como repugnante na humanidade. Não é difícil falar do enredo em um episódio cujo trio de protagonistas resolveu mostrar que possuem seus pontos fracos bem previsíveis, da mesma maneira que os acontecimentos ao redor auxiliaram a reduzir a perspectiva por uma civilização que consiga aprender com os próprios erros.

A Ibara é deveras corajosa e tem carregado as ações do anime nas costas, literalmente. Entretanto ela mostrou que não costuma pensar antes de falar, chegando inclusive à afrontar o Primeiro Ministro via comunicador. É bem verdade que ela tinha razão, mas certas coisas não se diz de forma tão direta e, com base em suas palavras, o político mais influente do arquipélago japonês resolveu negar-lhe ajuda.

Auxílio este que seria providencial, uma vez que a Taeko se feriu gravemente para salvar uma jovem de nome Ibara. A grande chamada aqui está presente no fato da mulher está grávida (com o período de gestação avançada), o que dá uma acolhida bem interessante para a densa ambientação de Coppelion. E no que tange à ambientação negra, pode-se aqui ressaltar que tanto o Primeiro Ministro quanto um certo esquadrão intitulado como Primeira Divisão acabaram mostrando-se com algozes de uma politicagem rica em soberba, mas fraca em ação justificada.

Por sua vez, a Aoi fez apenas uma coisa no episódio todo. Ela, que é mais jovem da divisão Coppelion, agiu com infantilidade do início ao fim do capítulo. Chorou, esperneou e pouco ajudou. À princípio, ela está no anime apenas para ser o fiel da balança no que tange a ambientação. Obviamente ela possui suas qualidades, mas nenhuma delas está atrelada ao poderio de combate ou a alguma outra ação mais usual em uma missão de salvamento.

Gojiro, um representante da JASA, disposto ao salvamento.

Ninguém imaginava que, em uma Tóquio basicamente devastada pelo poderio nuclear, poderia existir uma área onde a vida proliferava de forma indiferente ao que ocorria na antiga capital japonesa. Uma verdadeira cidadela estava ali, amparada por verdadeiras muralhas feitas de chumbo e com direito a um poderoso sistema de defesa contra providenciais invasores. Lançam-se sérias dúvidas sobre até qual ponto do anime tal cidadela estar´´a realmente protegida.

De forma geral, a política resolveu aparecer com força em Coppelion, e da pior maneira possível. De um lado estava o irredutível Primeiro Ministro japonês, que entre outras coisas possuía apenas um pensamento em mente. Na outra extremidade estava a chamada Primeira Divisão que, entre outras coisas, não dava a mínima para o atual governo nipônico (caracterizando-se unicamente o anime nisto) e que o considerava um invasor em potencial. E no fiel da balança, a ganância humana acaba não encontrando limitadores em suas ações, mesmo quando o cenário é um local já devastado por tais ideais.

Instintivamente o anime está procurando abrigar-se cada vez mais no quesito drama, e procura trabalhar o mesmo bem à fundo. Infelizmente, Coppelion não o está fazendo de forma realmente adequada ou bem estruturada. Isto não significa que esteja ruim, nem tão pouco que a obra venha à se afundar em razão disto. Mas a verdade irrefutável é que o sinal de apelação sobre uma temática de enredo é mais do que evidente.

Mesmo com os pontos contra à serem destacados, deve-se aqui ser ressaltado o empenho do anime em mostrar algumas vertentes bem inerentes à realidade como é conhecida, principalmente no que diz respeito ao chamado jogo de interesses. É possível que o próximo episódio apresente uma carga de ação muito maior do que este em análise. À rigor, o anime tem agradado a minha pessoa mas as ressalvas nele existentes acabam fazendo com que o título, que poderia estar em um top'5 de preferência pessoal, tenha unicamente que lutar por um lugar à sombra.

A trívia do episódio...


Sala de aula - O líder Kyoto palestrando para alunos. Seguramente, uma formação de futuros soldados se estabelecia ali, conceitualmente. Sua expressão nada tranquila na face estaria por evidenciar um trágico acontecimento. Ele não estava distante da realidade...


Arte finalização - Muitas pessoas ao redor do mundo não gostaram do modo com o qual os personagens são retratados em Coppelion. Grande parte disto se deve, na prática, às bordas nos traçados. Conceitualmente, minha pessoa em nada incomodou-se com tal característica, vendo a mesma como estigma de harmonização com todo o ambiente da obra...


Politicagem - No centro da imagem está o Primeiro Ministro japonês em Coppelion. É bem verdade que, graças à ele (segundo conta-se na obra) o Japão pôde se manter intacto, mas a personalidade dele não é das melhores, nem no sentido mais figurado possível desta expressão. A política passa à ser retratada com força no anime, com momentos de muito desânimo e repúdio...

Momentos do episódio #5...


Incomum - Os sorrisos nos semblantes das três garotas, ao mesmo tempo, é algo muito incomum no universo de Coppelion. Entretanto, tal felicidade durou pouco tempo. Questão de segundos na verdade...


Ataque #1 - Outros interessados no que ocorre em Tóquio, a antiga capital japonesa, resolveram aparecer de pronto. E sua artilharia é mais poderosa do que se poderia imaginar...


Conflito - Conhecida por Primeira Divisão, seus soldados parecem possuir um sentimento de ódio com o governo japonês. Para eles, ao menos aparentemente, Tóquio é um território no qual as autoridades nipônicas (e seus subordinados diretos) não possuem livre acesso...


Sorriso - A jovem Ibuki demonstra uma calma sem igual, em meio a forte ambientação que cerca ela. Possui motivos para manter a tranquilidade, todos eles atrelados à esperança em uma nova vida que está para surgir...


Ataque #2 - No desenvolvimento de conflito bélico, cada lado ataca da forma que melhor se pode convir. Em um sentido literal desta ideia, pode-se dizer que um poderoso jato d'água pode ser tão eficaz quanto armas de médio alcance...


Ferimento - Se alguém achava que as garotas não tinham como se machucar com seriedade, a Taeko acabou fazendo plena questão de provar o contrário a tal ideia. Diga-se de passagem, a jovem passou à sofrer após ter salvo a vida da Ibuki...


Gravidez - A jovem Ibuki carrega consigo uma grande responsabilidade. E mesmo em uma Tóquio à mercê da desgraça, ela procura ir adiante com o propósito de dar a luz à sua criança...


Soldado - O Kyoto não tinha à quem recorrer, vista a recusa de auxílio por parte do Primeiro Ministro. Mediante a isto, e dentro do que podia ser feito, o "esquadrão da limpeza" está para entrar em ação. O rapaz, cujo rosto não foi mostrado, promete fortes dosagens de emoção no próximo episódio...

Imagem especial...


Cidadela - Dentro de um forte feito de chumbo estava uma verdadeira cidadela, chamada de "O Planeta", construída dentro de uma das áreas mais prejudicadas pela radioatividade em Tóquio. Dentro deste lugar a vida podia seguir para frente, com direito à plantas crescendo, peixes nadando e o cotidiano tentando seguir o seu curso. Difícil saber, contudo, até onde isto irá durar...

Até a próxima, visitante!

O NETOIN! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in NETOIN! ]


O autor do NETOIN! é...
Carlírio Neto Carlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade deste humilde blogueiro. Veja um pouco mais sobre o autor do blog NETOIN!aqui.

  • 4Blogger
  • Disqus

4 Comentários

  1. Finalmente mais informações sobre a trama! Já estava na hora de colocar um pouco de política no meio da história, para tornar os eventos mais realistas.

    Eu consigo imaginar um plot bem simples sobre as informações dadas sobre o Primeiro Ministro Natsume e a 1ª Divisão: o Natsume possui algum rabo preso com a 1ª Divisão (possivelmente relacionado com abandono e trancamento da velha capital com paredes de chumbo - e provavelmente por algo mais), o que explica as ordens exarcerbadas de extermínio.
    Mas imagino que não neja simplesmente isso pois estou ignorando o fato de ainda estarem sendo feitos descarte de lixo tóxico no local - o que sinceramente não consigo prever se quem está envolvido é parte do atual governo japonês ou quem ainda mora na velha capital.

    Você não está acompanhando o manga, está Carlirio? Que rumos acha que a trama vai tomar? ;-)

    E a propósito, quando foi que a Aoi ficou tão insuportavelmente chata? Acho que preferia ela sem destaque nenhum mesmo XD

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Não leio mangás online, nobre Eduardo, então toda e qualquer expectativa que tenho sobre a obra está atrelada unicamente ao anime...^^

      No que tange a Aoi, realmente este episódio deixou ela um tanto quanto mal vista. Mas aguardemos pela sequência dos fatos...


      Até mais!

      Excluir
  2. Como você mesmo disse, um episodio interessante porem com uma abordagem fraca. Poderíamos ter partes de drama ou ação com uma construção melhor, mas parece que isso não vai ocorrer antes do episodio 6, se e que nossas expectativas não serão jogadas ralo a baixo.

    Ouvi muitos comentários falando que o manga e fraco, e apesar do anime ser ate certo ponto divertido e eu não ter lido o manga consigo entender parte dessa frustração. As personagens são mal trabalhadas, isso incluindo a líder do grupo, que apesar de receber destaque na trama não mostrou nada de interessante, tanto que eu já esqueci parte do drama em que ela se envolveu em epis anteriores, talvez não apenas pela falta de sal da personagem mas também pela repetição exaustiva do "vamos la resgatar alguém".

    O anime so me fisgou por apresentar um mundo interessante e pelo visual que tantos andam a criticar. E apesar de este ter seus pontos ruins, odeio dizer isso, mas ainda e um dos melhores animes do ano. Apesar que posso estar dizendo isso devido a minha preferencia por mangas, logo não sei ate que ponto os meus argumentos sobre o mesmo são validos.

    O que gostei desse episodio foi a parte da politicagem e a frase do Genei ao final do episodio apos mostrar a local para as coppelions. Infelizmente já não me recordo da frase.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      O anime está em uma melhora gradativa, e vejo isso com bons olhos.
      Mas sinto que há muita coisa que tem de mudar no mesmo, nobre.


      Até mais!

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons