Mushi-Shi Zoku Shou e uma reflexão... ~ Netoin!

sábado, 12 de abril de 2014

Mushi-Shi Zoku Shou e uma reflexão...

E dentro da concha tem...

Quando um anime lhe convida à emocionar-se sem hesitação...

A temporada de abril'2014, conhecida preferencialmente como inverno japonês, teve seu início oficial a cerca de duas semanas. Neste período, muitos foram os animes que já apareceram com os títulos de azarões, surpresas gratas e negativas além de, obviamente, as obras que corresponderam a expectativa com toda a sinceridade possível. E para este último grupo entra nomes como o de Mushi-Shi Zoku Shou, a sequência direta da série predecessora exibida no distante ano de 2005.

A premissa central de Mushi-Shi está por detrás de pequenos seres que não podem ser vistos por todos os humanos. Tratam-se dos mushis (insetos no idioma japonês), que nada mais são do que criaturas efêmeras com propriedades especiais, uma vez que eles possuem contato direto com a mais pura e refinada essência de vida. Tais seres podem se manifestar de variadas formas, podendo predizer alguns eventos e, inclusive, auxiliando (ou atrapalhando) os demais seres vivos sob alguma circunstância ou propriedade mais relutante.

Durante a obra animada se faz apresentar uma pessoa que consegue ver os mushis. Na verdade, tal humano vai além, ao ponto de conseguir compreendê-los e entender a essência destas pequenas criaturas com propriedade. Ele se chama Ginko. Este homem não possui uma residência fixa (conceito feito para nômade) e sua vida baseia-se em ir de um local para o outro, justamente por sua característica peculiar quanto aos mushis (caso fique por um período considerável em um mesmo logradouro, ele poderá atrair uma perigosa quantidade de mushis para tal lugar).

O que ocorreu no passado?

Agora que você conhece a essência primária desta obra, está na hora de ficar à par do porquê para a reflexão sobre a mesma. Em teoria, imaginar que Mushi-Shi se resume apenas à mostrar o cotidiano do pacato e singular Ginko seria algo muito fácil de se fazer. A obra, em si, trás para você tudo aquilo que pode ser considerado pertinente quanto à presença dos mushis no mundo humano. O Ginko serve como um tipo de mediador disto, transpondo em palavras simples e coerentes tudo aquilo que pode ocorrer às demais pessoas, onde dificilmente ele cita para os demais a existência dos mushis como um todo.

O segundo episódio deste anime, exibido na última sexta-feira (dia 10 de abril) no Japão não apenas deu veracidade ao descrito no parágrafo acima, como também ousou ir além. No contexto de tal capítulo, foi mostrada uma vila que sobrevive da pesca em sua pequena faixa litorânea. Aparentemente, tem-se a impressão de que tudo ali corria bem. O Ginko estava à conversar com um dos moradores do lugar, enquanto a filha de tal residente estava à brincar na praia. O momento no qual ela colocou uma concha ao ouvido fez toda a diferença, não apenas para a garotinha como também ao seu pai, que ficou nervoso com a situação.

Segundo se fazia constar, Ginko havia descoberto alguns mushis se escondendo dentro das conchas. Ele sabia que esta ação por parte de tais seres predizia algum desastre. A menina, ao colocar uma destas conchas no ouvido, escutou a singela canção entoada pelo ser que ali dentro habitava e, em consequência direta, acabou vítima de uma "ação defensiva" por parte de tal mushi, que a fez perder temporariamente a capacidade de poder falar. Como se isso não bastasse, um passado triste corrói a mente e o coração do pai desta garota que, desafortunado com tais lembranças, por pouco se deixou levar com as mesmas quando viu a filha no estado presente.

As lágrimas verdadeiras...

Havia todo um propósito estabelecido para os mushis se esconderem nas conchas e, ciente disto, o Ginko resolveu alertar os moradores da vila. As lembranças do passado ressoavam na mente do velho pescador que, após o incidente com sua filha, ficou ainda mais confinado em seus devaneios. Os eventos do passado diziam respeito à sua esposa, uma ida ao mar para mergulho e uma calamidade. Acontecimento este que dilacerou um coração e acabou com as esperanças deste homem no caminho de viver em paz. A distância se tornou o seu "conforto" e sua alma seguiu refugiada de todos os demais. A vila sentia falta deste homem, em especial, alguém de grande influência gostaria muito que todos pudessem trabalhar juntos novamente.

Difícil predizer se o Ginko notou tudo isso, principalmente após ter ficado à par do que havia ocorrido no passado. Mas a verdade é que eles, os mushis, desempenharam um papel deveras fundamental neste episódio. Recorde-se que, no início deste post, foi enfatizado que estas pequenas criaturas podiam tanto ajudar quanto atrapalhar, sem ter a mínima noção sobre isto. E sob o olhar e ações cautelosas por parte do Ginko, o segundo episódio de Mushi-Shi Zoku Shou acabou convertendo-se em um dos mais emotivos capítulos de anime deste ano até o momento, com total propriedade. A influência aqui cabe a cada momento mostrado neste episódio em questão, onde as relações humanas provaram ser fortes e fracas ao mesmo tempo e que, em nenhum momento, deve-se deixar de lado qualquer ação que pode trazer um resultado indicado para o grupo de pessoas.

O cenário era absolutamente agradável e conspirava para o sucesso da ligação entre ambiente e elenco. As músicas, instrumentais, sugeriam o momento da reflexão necessária. A cada fala dos personagens, era possível notar que algo poderia mudar naquela vila, para aquelas pessoas, para aquele homem com o coração e mente em pedaços e também para o Ginko. Efetivamente, Mushi-Shi Zoku Shou deu apenas uma pequena amostra sobre aquilo que se pode esperar do anime, para daqui em diante.

E esta "amostra" já valeu algumas lágrimas da mais pura emoção...

Momentos...


Concha - onde os problemas se intensificaram. Mas não houve maldade ou algo co-ligado. Apenas ocorreu o inevitável para a ocasião...


Preocupação - o homem, com a mente presa no passado, não consegue acreditar no que vê. A explicação foi sucinta, mas a situação apenas se agravou...


Presságio - poderia ser uma reedição do desastre ocorrido no passado, mas os tempos são outros e a situação permanece a mesma...


Festival - se a jovem podia olhar os mushis é algo incerto, contudo o que prevaleceu foi o sentimento no momento, em uma ação que culminou com um forte e digno apelo emocional...

Dica de leitura aqui no NETOIN!

Abertura de Mushi-Shi Zoku Shou (via YouTube)
música: "Shiver"  /  cantada por: Lucy Rose

Até a próxima!

O NETOIN! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in NETOIN! ]


Conheça o autor do NETOIN!, visitante...
Carlírio Neto
Carlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade de minha humilde pessoa.

  • 2Blogger
  • Disqus

2 Comentários

  1. Nem imagina que esse Anime tinha sido lançado a 1 temporada desse anime tinha sido lançado em 2005,a vi no fim do ano passado,pra pode revê e entende o Especial que lançaram,foi paixão a primeira vista,pela abertura,o encerramento,fora a história mesmo sendo bem calma e muito envolvente,mostrando que um boa história não precisar de tiros,explosões e poderes mirabolantes,texto excelente como sempre Carlírio !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Exatamente isto, Thiago. A primeira temporada do anime foi exibida há nove anos atrás, o que é um tempo deveras considerável.
      Contudo, a sutileza desta obra é singelamente notável...

      Mushi-Shi faz por merecer, com sobras, a boa fama que ostenta.

      E agradeço muito por suas palavras, nobre.


      Até mais!

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons