Análises em Geral - parte #77: uma semana agitada... ~ Netoin!

domingo, 17 de agosto de 2014

Análises em Geral - parte #77: uma semana agitada...

Tentando adivinhar de quem seja este sorriso...
Momento de comentários animísticos...

É bem verdade que o NETOIN! tem apresentado, semanalmente, comentários dos episódios de Ao Haru Ride e de Free! Eternal Summer. Ainda é incerto se alguma obra será trabalhada na temporada de outubro'2014 mas, por agora, está sendo muito interessante tecer as opiniões sobre estes animes em específico. Entretanto, a vontade de apresentar ideias sobre outros animes em exibição mostra-se tão chamativa quanto.

Para não haver uma mistura de ideias com os comentários semanais, o blog apresenta para você uma possível nova divisão dentro da seção Análises em Geral, na qual são mostradas ideias curtas sobre alguns dos animes vistos durante a semana. É uma boa oportunidade de chamar a atenção do nobre visitante para a a causa, com o adendo da troca opinativa sobre os mesmos.

Nas linhas mais abaixo um total de seis animes serão comentados. Então, é chegado o momento de se mostrar o que eles tiveram à oferecer e, dentro de um escopo, idealizar o que mais eles poderão demonstrar em suas sequências. É hora da troca opinativa no NETOIN!.

Maruo e sua fúria em quadra.
Baby Steps parece realmente estar dando grandes pulos temporais entre os seus episódios (inclusive durante os mesmos). Incrivelmente, isto tem combinado com a obra e feito com que o enredo da mesma não seja passado de uma maneira muito pesada ou desinteressante. Seu grande personagem, Maruo, parece agora estar mais ciente dos "riscos" que deverá correr com o seu novo anseio em sequência.

Os treinamentos do rapaz estão cada vez mais pesados, além do que sua estrutura corporal poderia comportar pouco tempo atrás. Mas os seus últimos resultados nos torneios têm mostrado que ele está no caminho certo. E sua participação na competição promovida pelo próprio local onde treina ressoou muito bem para o jovem.

No mais, o presente episódio foi mais um convite para o relaxamento (graças a um festival escolar), ao mesmo passo no qual as impressões de um rapaz que começa a pensar em seu futuro (no mesmo instante em que memórias escolar clamam para serem feitas). A chamada para um coração prestes à ficar partido também se fez presente no vigésimo episódio de Baby Steps.

Quando o poder aparece.
Não apenas das mortes de corruptos políticos vive Akame ga Kill!. O anime mostrou, em seu sétimo episódio, que existem aqueles que querem abusar e fazer provento uso da atual situação para denominar a Night Raid com a responsável direta por uma série de assassinatos de políticos que são contra o atual ministério na Capital.

Esdeath voltou a aparecer e, sob seu comando, lacaios tem matado muitas pessoas influentes contrárias a atual conjuntura política. Ela e seus seguidores diretos (donos de Armas Imperiais) adoram a luta e as mais diversificadas táticas de morte existentes. Para os integrantes da Night Raid iniciou-se uma nova onda de perseguição, desta vez muito mais criteriosa e sanguinária.

Este foi um episódio deveras chamativo, mostrando que o anime não apenas está anos-luz de distância da simplória "luta do bem contra o mal", como também busca mostrar que a prerrogativa da busca pelo poder soberano não conhece limites (nem extremos para tanto). Uma obra que, seguramente, merece ampla apreciação.

A cláusula do uniforme...
Sendo aclamado com justiça como uma das grandes obras em exibição na atual temporada, Gekkan Shoujo Nozaki-kun (Mangás para Garotas Nozaki-kun) continua simplesmente irresistível. Seguindo a mesma estética episódica de animes como Sakura Trick (apresentando duas estórias em cada metade de capítulo), o título teve em seu sétimo episódio uma dupla chamada de interesse, nas quais a esperança de um encontro e uma aula de desenhos souberam realmente mostrar aquilo que este anime tem de melhor para oferecer.

Irremediavelmente, o Nozaki não consegue perceber ois sentimentos que a Sakura nutre por ele (o mais típico clichê das estórias japonesas). Mas esta característica nem de longe entra como um demérito para a obra, que consegue trabalhar a mesma com grande dosagem de satisfação. E na atual conjuntura apresentada no título, um convite do Nozaki para a Sakura ir até sua casa pode ter as mais diferenciadas interpretações possíveis.

Por sua vez, o Mikorin parece ser mais tímido do que qualquer suposição anterior. Dito isto, estranha-se um pouco o fato de ele ter aceito servir de modelo para o clube de desenhos, fazendo as mais diferentes poses para os alunos em sala. E tudo parecia seguir dentro de uma normalidade crível, até que o Nozaki resolveu aparecer com todo o seu imaginativo em potencial. Sem a menor sombra de dúvidas, Gekkan Shoujo Nozaki-kun aparenta ir por muito mais.

Kojaku nervoso por uma certa razão...
Um pequeno e interessante retorno ao passado foi mostrado no sétimo episódio de DRAMAtical Murder, no qual o personagem Kojaku recebeu todas as menções da vez. Aliás, não apenas pelas lembranças do rapaz com o pequeno Aoba (mostrando que a amizade entre os dois existe e sobrevive há muito tempo), como também pelo fato de ter ficado amostra que ele, Kojaku, estará sempre disposto à tudo para ajudar o seu precioso amigo.

A Platinum Jail foi o local das investigações por parte do Aoba, por mais que seu amigo sempre fosse contrário à tal ideia. Como, de fato, foi possível evidenciar que o Kojaku estava com toda em alertar o já amplamente perseguido rapaz. A chamada do episódio também se fez presente com um pequeno combater que, entre outras coisas, teve direito à sangue e certas demonstrações de poder por parte de um enigmático inimigo.

DRAMAtical Murder tem oscilado bastante em suas características técnicas, mas o enredo mostrado no anime parece seguir piamente aquele no qual o jogo mostra (evitando, obviamente, certas cenas e casualidades). No mais, será interessante ver até aonde o Aoba planeja prosseguir sendo como é, da mesma maneira que notar até aonde vai a devoção de seus amigos torna-se um bom diferencial no anime em si.

Um doce momento é interrompido...
Sailor Moon Crystal deu, em seu quarto episódio, o chamado "toque refinado" para um dos conhecidos (e tradicionais) sonhos exaltados por muitas mentes mundo afora. O mesmo está presente na beleza de um baile que, com sua ambientação convidativa e charmosa, chama a atenção para possíveis passagens de caráter sentimental e amoroso, resplandecente sob as mais variadas formas.

Contudo, nem tudo foi belo. O dito Reino da Escuridão (ou Megaverso de Sailor Moon Classic) se apresentou formalmente e, não contente com isso, fez questão de atrapalhar o baile. Usagi, Amy e Rei tiveram problemas e, certamente, possuem a consciência plena de que mais infortúnios aparecerão. Soma-se à isto o fato da gata Luna não demonstrar ter nem um ponto de confiança com Mamoru Chiba (o Tuxedo Mask).

Apesar da estória estar seguindo-se muito bem, será possível para você notar as primeiras diferenças entre o anime em questão e o mangá, muito embora não seja nada grave neste ponto. A parte realmente negativa ainda está no trato que o estúdio responsável pela adaptação está dando à obra em si, com altos e baixos que tem deixado parte do fandom das guerreiras lunares extremamente perplexo e confuso.

A saudação da guerra ou do agradecimento?
E Aldnoah Zero provou, em seu sétimo episódio, que agora partirá para um confrontamento diferente. Até o momento, o anime tem apresentado os marcianos (em especial os Generais) como basicamente sendo sem escrúpulos e doutrinados para odiar os terráqueos sob quaisquer tipo de circunstância. Pois bem, agora parece que não apenas alguém no meio do exército de Marte começou a se preocupar, como também dois jovens haverão de protagonizar momentos únicos na obra.

Ambos são terráqueos, mas viveram em planetas diferentes graças a certas circunstâncias em especial. O Inaho, conhecido por sua falta de emoção e de vislumbre visual notório, aparece como defensor da Princesa de Vern. Entretanto, foi graças ao pronto auxílio do Slaine (que viveu em Marte) que ambos puderam obter a vitória em Tageshima. E depois deste episódios, estes dois rapazes medirão forças por razões em especial.

A guerra entre Terra e Marte parece que irá chegar à novos e inesperados rumos. A Princesa resolveu mostrar-se uma vez mais. Contudo, em uma ambientação cercada pelo ódio entre os dois povos, fica muito difícil aqui imaginar sobre até aonde ela poderá seguir em seu intuito maior, ainda mais com a presença certa de Slaine e Inaho em seu pronto encalço (mais pessoal no caso). Destaque para a OST da obra que, até aqui, merece inúmeros créditos de atenção.

Até a próxima!

O NETOIN! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in NETOIN! ]


Conheça o autor do NETOIN!, visitante...
Carlírio Neto
Carlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade de minha humilde pessoa.

  • 6Blogger
  • Disqus

6 Comentários

  1. Olá, vou comentar sobre as séries que acompanho entre as citadas.

    Tem sido realmente agradável assistir Nozaki-kun. Após Gintama acreditei que iria demorar para achar algo que me fizesse rir de verdade. A brincadeira com o papel dos gêneros é muito agradável, e concordo que o romance agrada, talvez até por não ser o foco do anime.

    Quase abandonei Aldnoah, mas o último episódio plantou algo interessante. Sinto falta de carisma na obra, não consigo me importar com o que acontece na tela. Como fã de animes de mecha dos anos 1980 muito me incomoda o CG, ainda que bem feito. Realmente o ponto forte da série e a trilha sonora, principalmente as canções encaixadas com perfeição.

    Enfim, até mais ver

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Como poderei lhe dizer, nobre...
      Nozaki-kun é o anime que carinhosamente chamo de "o shoujo que não é shoujo". E ele faz jus à isto de maneira irrepreensível.

      Por sua vez, Aldnoah é por mim visto como um dos melhores animes da temporada. Os pontos de crítica são visíveis, mas não consigo me incomodar com tais. No mais, é uma obra que terá seus desafios para enfrentar ainda.

      Apareça sempre que desejar, nobre.


      Até mais!

      Excluir
  2. Hello!
    Comentando brevemente sobre o episódio de DMMD. O anime está caminhando bem, o estúdio N.A.Z. está tentando na média do possível realizar um anime com uma qualidade técnica agradável. Mesmo com as falhas que disse, a adaptação está sendo fiel a VN, claro que sem as cenas pormenores, por sinal eu gostaria de ver, entretanto entendo que não agradaria qualquer público. Eu estou gostando anime e estou bem ansiosa para assistir os próximos episódios.
    Quanto a Koujaku. Ele é uma personagem que sofreu devido o sangue que possível, contudo ele almeja esquecer seu passado e os problemas voltando para Midorijima, onde o seu grande amigo confiável que representa sua segurança e ideias para continuar a viver de forma plena. Um episódio bom que só me desagradou a aparição breve de Ryuuho, mesmo ficando explícito para o público que leu a VN que ele é o principal vilão da rota do samurai.
    Fico contente em saber que o anime está te agradando ^^
    Até o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Nobre amiga notou que realmente estou gostando da obra. Digno assim, Melima, e muito.

      Mas as minhas percepções são bem "rasa e comuns", pois a forma com a qual enxergo este anime é um tanto quanto diferente do usual. Presto atenção (demais) na motivação dos personagens e, sinceramente, eu não sei sobre até que ponto minha linha de raciocínio é saudável... Ou não...

      As suas percepções são ótimas. Levarei-as sempre com muita humildade e seriedade, amiga Melima.


      Até mais!

      Excluir
    2. Hello!
      Eu lhe disse, DMMD é muito bom. Quando saiu a notícia do anime, lembra bem que eu surtava a cada nova informação... Estou muito contente em saber que está gostando da obra, DMMD merece!

      Como assim? Continue assim que está no caminho certo, talvez consiga entender melhor sobre o final antes de tudo ser revelado. Inclusive uma das surpresas que eu tive ao ler a VN está bem explícita no anime... Eu fico pensando em quantas dicas eles continuaram entregando ao espectador.

      Obrigada! Isto é uma honra, meu bom amigo.

      Até o/

      Excluir
    3. Saudações


      Palavras dignas de uma nobre e gentil amiga.

      Sim, DMMD é uma boa obra. Penso que, tecnicamente, ela poderia ter sido bem melhor produzida, mas não vejo algo que a desabone em demasia mesmo neste contexto.

      Vosso ponto de vista é bem refletido pelo jogo, também. Suas opiniões sobre esta obra interligam-se entre a VN e o anime, o que julgo muito respeitoso. Anseio em ver o que este anime terá por mostrar até seu final...

      E, novamente, sou eu quem lhe agradece com muita humildade e honestidade, nobre Melima.


      Até mais!

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons