[N! Drops] Ago'2014 #45: protagonistas... ~ Netoin!

sábado, 30 de agosto de 2014

[N! Drops] Ago'2014 #45: protagonistas...

A preguiça do Matsutarou...
Uma peça fundamental, mas não tão essencial assim...

Chamar um personagem de protagonista é, em teoria, um elogio seguido da grande responsabilidade que o nome (na função outorgada) carrega. Não por menos, é deveras comum que as atenções se dirijam para quem, no elenco de quaisquer obra, seja assim definido. Na animação japonesa isto não difere muito. A consequência e explicação são as mesmas. Porém, nem tudo se faz seguir da maneira que a teoria manifesta.

A atual temporada de animes tem provado, com exímia eficácia, a afirmativa que encerrou o parágrafo acima. Isto porque vários dos protagonistas das obras em exibição, realmente, não dão a real ideia de que a função citada vem à ser compatível com as ações dos mesmos. Este é um ponto opinativo interessante, repleto de possibilidades, sendo extremamente expansível e com inúmeras ramificações. E o NETOIN! fará aqui três rápidas citações, que exemplificam bem o ideal lançado neste post.

O primeiro deles é um homem já formado em sua estatura física. Ele é detentor de uma força descomunal, quase única e digna de aplausos. Contudo, tais atributos positivos são forçados à dividir espaço com a preguiça, inocência latente, esperteza leviana e, principalmente, falta de educação. Tudo isto resume bem o Matsutarou, protagonista do anime Abarenbou Kishi!! Matsutarou. Um lutador de sumô que, ao invés de estudar e levar o desporto mais à sério, ainda se mostra totalmente indiferente o seu futuro e levando o tempo presente da maneira que bem entender. Ele não é malvado, mas sim possuidor de uma conduta bem questionável.

A superficialidade do Inaho...
A segunda citação vai para o representante de uma guerra interplanetária. Em uma realidade na qual a Terra está em guerra com Marte é possível imaginar, certamente, que todo o cuidado vem à ser pouco. O dito protagonista de tal estória é realmente inteligente, sendo um jovem de falas diretas e até rígidas em vários momentos. Porém, seu semblante vazio e estático acaba tornando-o um ser de presença ambígua, sendo difícil interpretar (em vários aspectos) o que ele pensa e as razões por detrás de algumas de suas ações.  Este é o Inaho, protagonista de Aldnoah Zero. Graças ao seu comportamento e linha de raciocínio, muitos colocam-no como um dos personagens mais odiosos de 2014, muito embora minha pessoa não analise tal jovem desta forma na sua totalidade.

Por fim, uma escola de magia reserva suas surpresas. Um de seus estudantes possui baixo ranqueamento no que tange ao uso de tal poder, em ênfase, mas consegue se sair bem na criação de certas customizações em armas para o melhor manuseio do atributo magia, além de ter um rápido e metódico raciocínio. Entretanto, seu semblante consegue ser muito vazio em grande parte do tempo. Além disso, ele não deixa muito claro o que pensa à respeito de sua irmã (que foi a causa de muitos terem deixado o anime de lado). Este é o Tatsuya, de Mahouka Koukou no Rettousei. Trata-se de um rapaz que, além de tudo que foi citado, ainda consegue não notar o que ocorre ao seu redor (no que tange à avanços sentimentais). Longe de ser um mau caráter, o protagonista do anime em pauta chama a atenção em razão do que foi descrito sobre tal.

Ninguém disse que ser protagonista é algo fácil, mas isto não significa que seja algo tão difícil de ser levado mais adiante. Os três exemplos citados neste texto podem ser tanto de seu agrado como também fontes de repúdio em especial. A lista poderia ser facilmente bem maior, mas é preferível que você deixe isto aqui registrado, nobre visitante, comentando sobre o que pensas à respeito de um personagem protagonista e deixado à vista uma listagem de sua parte, contendo exemplos da linha de raciocínio que venha à ser por ti relatada.

A falta de carisma do Tatsuya...
Até a próxima!

O NETOIN! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in NETOIN! ]


Conheça o autor do NETOIN!, visitante...
Carlírio Neto
Carlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade de minha humilde pessoa.

  • 2Blogger
  • Disqus

2 Comentários

  1. Não vejo os outros dois animes citados, mas o Tatsuya não acho que não note o interesse incestuoso de sua irmã, mas acho que leva em banho-maria devido a todos os problemas que isso possa vir a causar a ambos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações

      Para ser franco eu nem diria que seja incestuosa a dita relação pois, em certo momento no anime, foi dito algo sobre ambos terem diferenciações no laço familiar.

      De toda a forma, apenas no aguardo da sequência do anime, de momento.


      Até mais!

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons