Anime: os universos do CLAMP unidos em "Tsubasa Reservoir Chronicle"... ~ Netoin!

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Anime: os universos do CLAMP unidos em "Tsubasa Reservoir Chronicle"...

Syaoran e Sakura em "Tsubasa Reservoir Chronicle".

Muitos são os animes que merecem ser lembrados. Entre as características que podem levar à esse fato estão as estórias, personagens, passagens, músicas, cenários, diálogos memoráveis, e tantas outras que aqui de momento não couberam...

Das reviews que já se fizeram presentes aqui no "NETOIN!", nenhuma foi de uma obra do grupo CLAMP. De fato, títulos como "Magic Knight Rayearth", "Card Captors Sakura", "Angelic Layer", "xxxHolic" e "Chobits" servem de exemplo para mostrar toda a potencialidade deste grupo.

Mas um certo título conseguiu ser primoroso. Para alguns, merecedor de um "bis". Para outros, não teve um final digno o bastante, ou à altura do título.

O anime do qual será tratado neste momento é "Tsubasa Reservoir Chronicle", onde as dimensões se encontram harmoniosamente ( até certo ponto )...

O início da jornada...

Syaoran e Sakura.

O título em questão tem um início aparentemente tranqüilo, onde são apresentados dois dos principais personagens: a Princesa Sakura e o jovem Syaoran. Sim, os nomes remetem ao clássico "Card Captors Sakura", e a personalidade dos personagens também ajuda para que as lembranças do anime das cartas Clow venham à tona...

Os dois são grandes amigos, e possuem um sentimento muito forte guardado em seus corações. O rei deste mundo chama-se Touya, e seu sacerdote chama-se Yukito ( mais lembranças ). O planeta vive em um estado de paz considerável, até que em um sítio arqueológico nas proximidades do palácio, tudo passou a mudar...

Nunca viu essa personagem em algum lugar!? Ou seria em um certo anime!?

Neste mesmo instante, em um outro mundo, um mago está selando um forte inimigo que outrora foi derrotado. Este mago atende pelo nome de Fye, e está prestes à deixar seu mundo por razões muito interessantes...

Um forte espadachim gaba-se de ser o maior guerreiro em seu mundo, fato este que entristece a jovem e linda princesa do lugar. Neste contexto, são apresentados o guerreiro Kurogane e a Princesa Tomoyo.

Por razões extremamente diferentes, Syaoran, Sakura, Fye e Kurogane se conheceram e passaram à viajar juntos, entre as mais diferentes e variadas dimensões...

Viajando entre as dimensões...


Da esquerda para a direita: Fye, Syaoran, Sakura e Kurogane.

No mundo de Syaoran e Sakura, a jovem princesa é acometida por um estranho acontecimento. Inconscientemente, ela foi ao sítio arqueológico, e teve as suas memórias retiradas de si. Segundo Yukito acaba contando para Syaoran, as penas fazem a representação da memória perdida da jovem Sakura. E então...

O mago Fye, em seu mundo, despede-se de sua fiel companheira e conjura uma magia para sair de seu mundo. Seu intuito é de não voltar mais à sua terra natal. E então...

Kurogane, sendo levado à outro mundo por intermédio da Princesa Tomoyo.

O guerreiro Kurogane não tem adversário à altura em seu mundo. E para aprender sobre o real sentido da força, a Princesa Tomoyo resolve mandá-lo para outro mundo, mas não sem lhe aplicar uma espécie de maldição, na qual o guerreiro está proibido de matar desnecessariamente. E então...

E então, os quatro personagens aparecem na Terra, sendo acolhidos pela Bruxa Dimensional ( "xxxHolic" ), que à partir das diferentes razões do grupo de viajantes, decide ajudá-los em troca das coisas mais preciosas para eles. Para o Fye, sua tatuagem. Para o Kurogane, a sua espada. Para o Syaoran, as lembranças que a Sakura tem dele...

E com a ajuda da Mokona, o grupo começa à viajar entre diferentes mundos. Embora não fosse a razão inicial, todos acabam ajudando o Syaoran na busca das penas da Sakura, no intuito claro de salvar a vida da jovem, por mais que venha à pesar o fato de que ela jamais se lembrará dele...

O que espera o grupo de viajantes...

"A pessoa que é má em um mundo, poderá ser o seu
maior aliado em outro mundo..."


Muito embora o tema central acaba sendo a caça pelas penas da Princesa Sakura, o anime vai muito além disso. Os anseios dos personagens do grupo, entre outros, vão sendo mostrados pouco à pouco, dando uma dimensão mais ampla e interessante ao anime em questão.

O mago Fye deseja apenas não voltar ao seu mundo, fato este que tem relação direta com o inimigo adormecido em seu palácio. Medo? Insegurança? O Kurogane vê o Fye como um grande medroso, que foge de suas responsabilidades, e anseia voltar ao seu mundo para tirar satisfações com a Princesa Tomoyo que para ele, ainda assim, é o único ser no universo que pode lhe ordenar alguma coisa...

A Princesa Tomoyo.

Para o Syaoran, a viagem é de salvamento. E de muito sentimento. A força e a vontade do jovem consegue despertar até um súbito interesse do frio Kurogane em auxiliá-lo, por mais que nunca disseste isso com palavras...

Entre um mundo e outro, os viajantes vão se conhecendo. E também descobrem que várias versões de pessoas por eles conhecidas ( e estimadas ) possuem vidas completamente diferentes nas outras dimensões, fato este que às vezes causa algum contratempo...

Dois seres vigiam este grupo em sua jornada inter dimensional. Estes seres busacam o poder absoluto, que vem à ser representado pelas penas da Princesa Sakura. Além disso, um outro ser muito semelhante ao Syaoran permanece adormecido, talvez esperando pelo momento correto de acordar...

Objetivamente

Yukito e Touya.

Aventura, magia, ação, drama, romance e humor se juntam em harmonia para formar este grande título da CLAMP que é "Tsubasa Reservoir Chronicle".

É extremamente divertido ver o Fye chatear o Kurogane com os mais variados apelidos ( como "Kurorin", "Kurotan", "Kuropan"... ). É formidável ver o Kurogane em ação. É interessante ver o Syaoran mostrar toda a sua bravura para salvar a Princesa Sakura, que por sua vez é meiga e doce ao extremo...

Mas é extremamente triste ver o sofrimento do Syaoran ao notar que, muito embora as lembranças da Sakura vão retornando, as que dizem respeito à ele simplesmente desapareceram...

Isso é "Tsubasa Reservoir Chronicle". Se tiver a oportunidade, assista à este grande título que tem a incontestável marca de qualidade do grupo CLAMP. Altamente recomendado!

[ made in NETOIN! ]

-------------------------------------------------------------------------------------------------

Acesse o site do mangá japonês, clicando aqui.
Acesse o site do mangá no Brasil, clicando aqui.

  • 4Blogger
  • Disqus

4 Comentários

  1. Poxa, ótimo texto. Eu realmente sentia falta de alguma obra da CLAMP, esse grupo maravilhoso...

    TRC é um anime maravilhoso, realmente cativante... Engraçado, tem ação, drama, romance... Mas vale salientar a diferença entre o anime e o mangá.

    Bom, TRC era exibido em uma emissora do governo (acho que a NHK), portanto teve muitas cenas de ação um pouco resfriadas. Também há muitos fillers, mas alguns até são bem legais, enquanto outros são só encheção mesmo... O que mais chama a atenção de quem leu o manga é que o final é completamente diferente... Por ter ficado muito violento, o mangá não pôde mais ser acompanhado pelo anime, que continuou com sua açõa leve... O mangá continuou, então, e o anim acabou, e ficamos sem saber quem são os dois que observam nossos aventureiros ou o que é aquele outro Syaoran...

    Por isso recomendo que, depois de verem o anime, corram pra ler o mangá, pois vale muito a pena...

    Ah, outra coisa que você não comentou: a trilha sonora desse anime é fantástica! Realmente maravilhosa!


    Bom, espero que continue a falar de outras obras CLAMP aqui!



    Parabén pelo blog!

    ResponderExcluir
  2. Já me falaram muito de Tsubasa, diziam para mim a respeito do quanto ele é bom.
    Pelo visto é realmente verdade, depois vou dar uma conferida.
    A CLAMP é realmente um belo grupo que criou obras muito boas e muitas dessas assisti.
    Belo post.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. Otimo post Carlírio, conseguiu falar sobre Tsubasa, sem causar grandes estragos (digo, quanto a spoilers).

    Eu amo de paixão Tsubasa Reservoir Chronicle por ter me dispertado os mais diferentes tipos de sentimentos, mas tenho muitas críticas contra o anime. Eu gostava muito da animação num geral, porém depois que descobri, que o anime simplesmente terminava do nada, sem uma continuação, fui atrás do mangá e PUUUUUUTZ. Pude perceber o tamanho do estrago provocado pela Brains Base, fora os fillers que até são compreensíveis, mas que poderiam ter sido melhores elaborados. Recomente muito, mas muito pra qualquer pessoa que viu o anime se apaixonou, se permite ler o mangá (tem que ler o de Holic também, pois é uma história em dois mangás).

    Como citado pelo colega ai em cima, o anime foi descontinuado devido á um auto grau de violência que começou a ganhar a partir da saga Tokyo Revelations (muito sangue jorrando e membros decaptados x.x), como a NHK é uma emissora do governo (tipo a nossa tv cultura), cancelaram o anime, pff...

    Mas a CLAMP queria tanto ver essa saga animada, que encomendaram OAVs para a mesma produtora de XXXHOLiC. Tipo, são legalzinhos...mas caramba, se você não tiver lido o mangá, não vai entender nada com nada da história. O_O É apenas um bonus mesmo, para os fãs do mangá.

    Algo parecido aconteceu com Holic, mas pra abreviar meu comentário, digo que foi uma grande cagada do CLAMP permitir que os dois animes fossem animados por stúdios diferentes, já que se tratava da mesma história e séria necessário estar por dentro de uma, pra entender a outra. E olha, pode acreditar que é mega hiper confuso. A trama ganha ares megalomaníacos. Inclusive, tem tempo que quero fazer uma artigo, com uma crítica sobre Holic e Tsubasa, vamos ver se com este post eu me anime. Bye

    ResponderExcluir
  4. Saudações

    *Roberta Caroline:

    Seu comentário serve como complemento de grande nível para a minha postagem, sabia?

    De certa forma, evitar spoilers foi um desafio que venci ao fazer esta review (ao contrário da review de "Clannad After Story").

    A história de "Tsubasa" classifico como uma das ricas que já tive o prazer de ver. Sem maiores exageros.

    E sim. O fator violência cresce assustadoramente em "Tsubasa", o que pode ser comprovado em "Tokyo Revelations".

    Porém, acredito que o anime tenha cumprido o seu papel, com aquele "final" mais do que em aberto no 52º episódio.

    Até mais

    ResponderExcluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons