terça-feira, 28 de abril de 2009

Momento de nostalgia com o anime "Don Drácula"!

"Don Dorakyura"!

Às vezes um pouco de nostalgia faz muito bem. No caso deste humilde blogueiro, relembrar dos aclamados anos oitenta ( quem vivenciou esta época saberá do que se trata ) é algo prazeroso. Realmente, foi uma época que jamais voltará...

No período acima citado muitos animes e tokusatsus desembarcaram em terras brasileiras, sendo boa parte disto graças ao surgimento da Rede Manchete de Televisão. Muitos títulos foram consagrados, e um em especial merece ser recordado.

Amigo visitante, esteja convidado à conhecer um pouco sobre um anime muito hilário, mas possuidor de muitas passagens tristes e até de momentos de terror, chamado "Don Drácula".

"Eu sou o Conde Drácula da Transilvânia"...

O Conde Drácula.

O anime "Don Drácula" possui uma estória muito fácil de ser entendida. Segundo conta-se, Don Drácula vivia na Transilvânia com a sua filha Chocola ( que no Brasil recebeu o nome de Sangria ) e seu fiel serviçal Igor.

Por conta das insistentes perseguições que Don Drácula tinha de seu maior inimigo, o professor Von Hellsing, o rei dos vampiros decidiu mudar-se para o Japão, acreditando que neste País poderia ter uma vida mais calma e tranqüila.

Igor, o fiel criado de Don Drácula.

De certa forma a mudança para o Japão proporcionou alguns momentos de paz para o Don Drácula, que passou à dedicar-se exclusivamente ao propósito de sugar o sangue de lindas garotas. Já Chocola preferiu socializar-se, estudando em uma escola noturna. Desnecessário mencionar que os vampiros não podem ficar expostos à luz do Sol...

Mas o aparecimento de uma mulher extremamente feia e gorda chamada Blonda tirou a paz do mais poderoso vampiro da face da Terra. Ela vive tentando ter o seu sangue sugado pelo Don Drácula, com a idéia de ter uma relação com o mesmo.

Chocola, a filha de Don Drácula.

E as confusões só aumentam com a chegada do professor Van Hellsing ao Japão. Ele está com a idéia fixa de matar o Drácula, e acaba indo trabalhar na escola onde estuda Chocola, para descobrir aonde seu maior inimigo está vivendo. Às vezes, um inspetor da polícia chamado Murai atrapalha o professor, tirando conclusões precipitadas de suas ações, onde deve-se convir que são muito estranhas...

O conteúdo é interessante...

Expressões hilárias são a grande marca do anime "Don Drácula".

Em boa parte o anime é regado à um humor muito elevado, que às vezes beira o surrealismo. As hilárias tomadas faciais de praticamente todos os personagens são o que a série mostra com absoluta maestria, superando neste quesito muitos animes atuais.

Diz a lenda que Don Drácula era um ser extremamente poderoso e inteligente. O anime faz uma sátira do próprio personagem, pois o Drácula mostrado na série não é muito inteligente, e nem tão poderoso. Entretanto o grande vampiro possui um coração muito mole, especialmente quando se trata de alguns caprichos de sua filha Chocola.

Van Hellsing sofrendo com um dos seus ataques crônicos...

Drácula já esteve próximo da morte várias vezes. Mas em todas elas o vampiro foi salvo no momento oportuno, graças à doença do professor Hellsing ( que sofre de hérnia ), tendo ataques crônicos quando muito nervoso ou ansioso.

O próprio investigador Mirai é um personagem chamativo, que diz ter tornado-se um policial apenas para poder atirar à vontade quando quisesse. Um belo motivo, não concorda!?

Blonda e Drácula: uma cena muito comum...

Entretanto, há ocasiões no anime nas quais o humor é totalmente deixado de lado. Apesar de aparentar ser um título infantil e nonsense, "Don Drácula" possui passagens que exploram temas como a sociedade da época e os temores das pessoas.

Nestas passagens em especial, você pode até sentir um grande pavor e, dependendo de sua força emocional, pode até chorar com certos acontecimentos. Neste quesito, o ditado "não julgue um livro pela capa" cabe perfeitamente ao anime, onde não se deve julgar a sua estória apenas pela sua aparência.

Objetivamente

Inimigos mortais!?

O anime em sua concepção inicial deveria ter vinte e seis episódios, mas por conta da falência de seus patrocinadores teve apenas oito episódios. Incrível notar como que apenas estes episódios foram suficientes para que o título "Don Drácula" conquistasse uma legião de fãs. Obviamente, o talento de Osamu Tezuka ( o criador de "Astroboy" ) ficou em evidência.

No que se refere à parte técnica, para um anime do início dos anos oitenta ele é muito bem trabalhado. Seus efeitos sonoros são satisfatórios, e a música de encerramento ( chamada "Otousan Ha Kyuketuki", da Niikura Yoshimi ) lembra muito os programas infantis da época, possuindo uma melodia muito interessante e alegre.

Se tiver a oportunidade, assista à este anime. Caso não tenha vivenciado a época em questão, você poderá se surpreender agradavelmente. Anime recomendado.

[ made in NETOIN! ]

Um comentário:

  1. Don Drácula é sensacional. A animação envelheceu, claro, mas fora isso ele funciona até hoje.

    ResponderExcluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as idéias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Procure aqui...

Carregando...

NETOIN!


Presente desde
22 de dezembro de 2006...

O layout anterior foi implementado em
11 de fevereiro de 2008...

E o template atual está aí desde
15 de setembro de 2011...
( créditos mantidos no final do blog ).

 
Blog sobre animação japonesa - Favor não copiar os textos do blog sem antes entrar em contato com o dono do mesmo - NETOIN! 2006-2014
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons