Uma difícil decisão para Wataru! - parte #2 de 4! ~ Netoin!

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Uma difícil decisão para Wataru! - parte #2 de 4!


Esta história expressa apenas passagens fictícias da série em questão, 
vindas da mente do criador deste texto. Sister Princess, sua história original 
e personagens pertencem exclusivamente aos seus criadores.

* continuação do capítulo anterior *


Uma difícil decisão para Wataru
por: Carlírio Neto

Capítulo #2 – Uma conversa com a Karen-chan...

Wataru é um rapaz que pode se considerar como um grande felizardo. As suas irmãs o tratam com muito carinho e cuidado. Muitos rapazes queriam estar em seu lugar neste momento. Entre eles está o seu amigo Yamada...

Sim, o Yamada... Aquele rapaz que se acha um grande conquistador, que pensa entender sobre as mulheres, além de ser extremamente intransigente. Ele está fora da Ilha Prometida nestes dias, pois foi para Tóquio visitar seus pais.

O mesmo ocorre com o seu melhor amigo, Akio, e com a irmã dele, Mami. Ambos estão em Tóquio para buscar documentos importantes para se matricularem na Academia da Ilha Prometida no próximo ano. Sem tais documentos, eles não poderão estudar ali no período seguinte...

Enquanto caminha, Wataru pensa em tudo que viu de manhã, tudo que já teve que passar e imagina o que virá pela frente. De todas as garotas, ele ainda não avistou nem a Karen e nem a Sakuya-chan. Está preocupado com elas (que não estavam na casa) e resolveu averiguar a situação.

Como já vive com as suas irmãs na ilha há um ano (excetuando, é claro, os dias em que foi levado pelo Akio até Tóquio), presume-se que o Wataru já deva conhecer cada uma delas muito bem. Sendo isso verdade, basta ao rapaz imaginar onde elas estarão neste instante...

O distrito comercial fica mais longe de onde o rapaz está neste momento. Desta forma, procurar pela Sakuya-chan em uma loja de roupas não é a ação mais indicada. Ao menos, não por agora. Porém, ali perto de onde o rapaz se encontra existem casas de chá, o tipo de lugar que atrai muito a Karen-chan.

Com este pensamento em mente, o Wataru resolve tentar encontrar a Karen em primeiro lugar. Acertadamente, o rapaz avista sua irmã preparando-se para tomar um chá. Ele se aproxima do lugar e a cumprimenta...

- Bom-dia, Karen-chan!
- Oh! Onni-chan! - ela prefere chamar o rapaz da forma mais normal possível...
- O que faz aqui a esta hora, Karen-chan?
- Karen preferiu andar um pouco de manhã e tomar um chá aqui. O tempo está gostoso e tão fresquinho... - ela costuma usar o próprio nome quando fala
- Entendo...
- Onni-chan, quer tomar um chá comigo?
- Obrigado, Karen-chan. Aceito, sim.

Nisto o chá é pedido e prontamente trazido.

- Sabe, Karen-chan, não acha tudo isso muito confuso?
- Do que está falando, onni-chan?
- Hum... Como posso dizer... Faz poucos dias que voltei de Tóquio e, mesmo quando fui para lá, da forma que eu fui e quase ficando por lá, vocês não se esqueceram de mim em nenhum momento...

Karen apenas observa enquanto escuta Wataru falar. O rapaz prossegue...

- Bom... Eu acho que não mereço todo este carinho de vocês, meninas. Sério... Eu tenho é que pedir desculpas para todas vocês, pois fui muito mal...
- Onni-chan...
- Karen-chan, eu vou entender se você não puder me perdoar, porque eu mereço isto mesmo. Mas eu...

A moça interrompe o rapaz, se levanta de sua cadeira e fica ao lado dele, em pé. Ela começa a falar com um tom muito suave de voz...

- Onni-chan, você está errado. Você não tem do que desculpar... Todas nós gostamos muito de você...
- Karen-chan... Mas, eu...
- Não, não... Onni-chan é especial para todas, mas Karen sofreu muito quando você partiu...
- Karen-chan...
- A gente não sabia quando você iria voltar... - ela começa a chorar, mas continua falando quase que ao ouvido do Wataru – Eu não sabia o que fazer, onni-chan...
- …
- Sabe, Onni-chan?
- O que foi, Karen-chan?
- Karen se sente muito próxima à você, onni-chan.
- Karen-chan...
- Eu quero que meu irmão seja feliz para sempre! - neste momento, Karen abraça fortemente o Wataru, que fica parado sem reação

Durante alguns segundos, os dois fecham os olhos enquanto abraçados. O Wataru sentado à cadeira. A Karen de pé, mas apoiando gentilmente seu ombro esquerdo e o seu rosto próximo à face de seu irmão...

Passado este tempo, o Wataru resolve falar...

- Karen-chan?
- Sim, onni-chan?
- Eu... Preciso confessar uma coisa para você...
- O que houve, onni-chan?
- Sabe, Karen-chan, depois que voltei de Tóquio fiquei muito pensativo sobre todas vocês. O agora, o futuro...
- Onni-chan...
- Mas, na verdade, você ocupou uma boa parte de minha mente, Karen-chan.
- Onni-chan... - os olhos da Karen começam à lacrimejar, delicadamente
- Karen-chan, eu não sei o que mais pensar... Eu sou seu irmão e devo cuidar de você, mas eu... Eu...
- Onni-chan!

No momento em que a Karen dá este grito, ela se abraça ainda mais forte ao Wataru, vira seu rosto suavemente ao rosto dele e sacramenta um ato singelo de puro carinho....

- Onni-chan, eu te amo...

Nisto, a Karen beija o Wataru. Em uma fração de poucos segundos, toda a conversa tornou-se parte consumada apenas neste ato derradeiro...

O rapaz, sempre tão tímido com as mulheres, praticamente petrificou enquanto a Karen lhe beijava com muito sentimento. Após o ato ter sido feito a moça afastou-se de seu irmão, deu dois passos para frente, e falou...

- Onni-chan, Karen está realmente muito feliz! - ela sorri, gentilmente
- Karen-chan...
- Onni-chan, todas nós queremos que você seja feliz. Mas, Karen agora quer que onni-chan seja ainda mais especial...
- Karen-chan...
- Onni-chan, eu te amo! - fala a Karen com toda a vontade do mundo

Estranhamente, esta última fala acabou assustando Wataru que, de petrificado passou à ficar nervoso por dentro, consigo mesmo...

Neste instante, Wataru se levanta e começa a falar... Olhando para baixo...

- Não, isso... Não, não pode...
- O que houve, onni-chan? - pergunta a Karen, sem pressentir o que estava por vir...
- Isto não está certo... Karen-chan...
- …
- Nós somos irmãos, Karen-chan. Irmãos. Não podemos, não temos este direito...
- Onni-chan...
- Karen-chan, você significa muito para mim, mas isso é... Isso é...
- Onni-chan?
- Grrrr... Eu... Não consigo entender nada disso, nada...
- Onni-chan, por favor se acalme... Eu... - ela é interrompida por um forte tapa na mesa
- Não! Não, Karen-chan!

Nisto, o Wataru sai correndo dali, deixando a Karen sem ação e perplexa, de alguma forma, enquanto tudo que pode fazer é ver seu irmão correr rapidamente para longe dali...

Ao mesmo instante que está correndo, Wataru fica se questionando (na mente) o porque daquele beijo ter ocorrido...

- Minakami Wataru, você é o pior! O pior! - gritava Wataru para si mesmo, em seu subconsciente...

E Wataru continuou à correr. Sem notar, pois estava com olhos fechados, ele havia chegado à área comercial da cidade, que fica do lado oposto da Ilha Prometida. Lá, ele achou um banco para se sentar e lá ficou, com as mãos levadas ao rosto, totalmente vermelho...

Aquele havia sido o primeiro beijo que Wataru tinha recebido em sua vida. Provavelmente, foi o primeiro beijo da Karen também... Na realidade o rapaz estava exausto, fadigante, ainda perplexo com tudo que havia acontecido minutos atrás.

Desconfiado da própria sombra, Wataru começou a olhar desconfiadamente para todas as direções, para ter a plena certeza de que a Karen (nem nenhuma outra pessoa) tivesse lhe seguido. Somente após ter tal certeza é que o rapaz se deu ao luxo de relaxar um pouco...

E ele continuava a se martirizar em sua mente...

* continua... *

No sábado, dia 6 de outubro...
Capítulo #3: o charme da Sakuya-chan...

[ made in NETOIN! ]

O autor do NETOIN! é...
Carlírio Neto Carlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade deste humilde blogueiro. Veja um pouco mais sobre o autor do blog NETOIN!aqui.

  • 0Blogger
  • Disqus

Deixe o seu comentário

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons