Kyoudai Podcast #17 e as censuras - Parte #1: Japão ~ NETOIN!

quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Kyoudai Podcast #17 e as censuras - Parte #1: Japão

A chamada da vez.
Um tema de grande importância em pauta...

Não é difícil imaginar a quantidade de vezes que você, nobre visitante (ou a minha pessoa), nos deparamos com situações nas quais os animes aparecem de uma maneira sutilmente "estranha" à frente visual. Seja com borrões, feixes de luz, quadriculados que relembram a época do videogame Atari, dentre tantas outras formas de aparição, caracterizam a censura em si sendo aplicada.

Existem muitos fatores para isso. Os mesmos vão desde as questões de caráter cultural até razões de cunho mais financeiro e/ou político. É um ledo engano, entretanto, pensar que a censura está restrita unicamente a algumas nações, pois até mesmo no Japão a mesma é aplicada (por motivos que variam entre os citados mais acima).

Com base nisto (e citando alguns exemplos como o tailandês) é que o nobre podcaster Evilásio, o jovem André, o caro Bebop e a minha pessoa fizemos ir adiante o tema censura no Kyoudai Podcast #17. Dada a abrangência da temática (as censuras) o mesmo será dividido em partes, sendo a primeira direcionada ao Japão em si (e na próxima oportunidade serão tratadas as questões de censura no Brasil e em outras nações ocidentais).

Amigo visitante, escute este podcast e divida na área de comentários deste post a sua opinião acerca da censura em si. O que você pensa, como tu a vê, se o que foi ressalto neste trabalho acústico lhe teve alguma valia ou não, dentre tantas outras oportunidades.

Esse é o momento podcast...

Kyoudai Podcast #17 e as censuras - Parte #1: Japão (via YouTube)

 Dica de leitura aqui no NETOIN!
A censura de animes na Tailândia e uma opinião...
 
Blogs participantes desta edição

Até a próxima!

O NETOIN! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in NETOIN! ]


Conheça o autor do NETOIN!, visitante...
Carlírio Neto
Carlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade de minha humilde pessoa.

  • 7Blogger
  • Disqus

7 Comentários

  1. Gostei do tema, bem polêmico inclusive... Já fiz um artigo sobre tal tema no meu blog, tratando um pouco da hipocrisia de algumas censuras que chegam a ser bobas.
    Ótimo Podcast, esperando o próximo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Nobre, tens o link de seu artigo? Farei questão de lê-lo e citá-lo no próximo podcast.


      Até mais!

      Excluir
  2. Um tema bastante polêmico, o mais correto a se fazer suponho que seja divisão de faixa etária pra não haver uma censura bizarra, como já dito pelo Bebop. Um exemplo de censura discutível é a franquia Hadashi no Gen que foi publicado pela Shonen Jump em 1986 onde fala da explosão da bomba atômica no japão e dos pesares que acontecem com o povo (não terminei a obra ainda) , li em Blogs e fontes que os japoneses retiraram o mangá e as novels das escolas pois era tido como conteúdo ''Forte'' para estudantes, alguém que já assistiu de você deve saber comentar melhor algo sobre ele, só quis levantar a questão sobre essa obra e ouvir alguém de vocês comentar ela caso tenham assistido, pois é algo emblemático para época.
    Foi muito bem trabalhado o tema no cast houveram diversas informações que eu não sabia a respeito de censura e afins, agora é aguardar o do Brasil e Irmãos que com certeza esse é mais fácil de se discutir e criticar kkkkk.
    Peço desculpas pelo comentário imenso, e mas um vez agradeço pelo conteúdo do qual vocês tem se empenhado em trazer ao público fã de Anime.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei exatamente quanto a censura em Hashi no Gen, mas falo dos filmes nesse post - https://animeportifolio.wordpress.com/2012/08/05/a-resposta-e-42-hadashi-no-gen-e-hotaru-no-haka-duas-visoes-de-uma-grande-tragedia/

      Excluir
    2. Ok obrigado pela informação e ótimo post .
      Na verdade o assunto tem questão que sugeri sinto que passou mal entendido ,é que vocês citaram a banimento de séries entende e aí veio essa idéia sobre Hadashi no gen que de certa forma um banimento de uma obra é uma censura (sinto Q tou errado me corrijam)

      Excluir
  3. Sou contrario que haja censura , acho a classificação etária resolve e a programação das tvs colocarem em horários apropriados , sobre tal lei anti-otaku , eu acho uma bobagem , pois vai depender de quem julga o que é saudável ou não , a discussão é validade , mas do jeito que Tokyo fez foi ridículo , hoje eu vejo muito falso moralismo no Japão nesta questão da censura e odeio quando o estado quer fazer o papel da família .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Na verdade, ser à favor ou contra a censura é uma questão muito mais profunda, nobre.

      No que tange ao moralismo falso, no caso o japonês, deve ser algo inerente à política e cultura local. Quase certeza isso.

      No mundo atual, infelizmente "apenas" a classificação etária não funciona em sua totalidade. Mas também concordo com suas palavras sobre as intervenções do Estado em casos assim.


      Até mais!

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - NETOIN! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons