Kyoudai Podcast #40 sobre yaoi e yuri ~ NETOIN!

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Kyoudai Podcast #40 sobre yaoi e yuri


A chamada de grande interesse...

A série Kyoudai Podcast chegou na sua honrosa quadragésima edição, fruto de um trabalho mais do que consistente e digno de nota. Não para menos, o tema da vez em muito colabora para tanto, pois falar dos universos das obras yaoi e yuri é sempre um chamariz para muitas opiniões e trocas de ideias.

Assim sendo, o Kyoudai Podcast #40 contou com a presença do conhecido podcaster Evilásio, que na presente oportunidade preferiu mais questionar (positivamente) do que argumentar. Duas convidadas estiveram no podcast, contribuindo e muito com os seus conhecimentos nas áreas preponderantes ao tema, sendo elas a Kamila do blog Kono-Ai-Setsu (falando da parte yuri) e a Joana do blog Shoujismo (designada ao lado yaoi). A minha pessoa teve a responsabilidade de conduzir este trabalho acústico.

A abordagem de tópicos foi das mais memoráveis na história do Kyoudai Podcast, nobre visitante. Indo desde as definições básicas de yaoi e yuri, passando por diversas características, chegando ao dito preconceito existente até chegar ao mercado de mangás, com direito para ótimas indicações de obras, caso você esteja próximo de um primeiro contato com yaoi e/ou yuri.

A seção Recadinhos do Padrinho não foi ao ar nesta oportunidade, tendo em vista que o podcast foi ar em um horário demasiadamente mais tarde do que o normal.

Com base no que foi apresentado, o convite lhe é feito de maneira oficial, nobre visitante. Acesse o podcast no link mais abaixo. Se preferir clique nos tempos definidos para acessar o tópico que mais desejas e contribua pela causa, com o seu ponto de vista e opiniões mais do que bem-vindas.

E assim se segue...

Kyoudai Podcast #40 sobre yaoi e yuri
clique aqui para acessar (via YouTube)

Acompanhando o Kyoudai Podcast #40
00:00 - apresentações e introdução
03:04 - comentários do Kyoudai Podcast #39
20:30 - pauta central do podcast
01:34:45 - considerações finais
nesta oportunidade não houve a 15ª edição da seção Recadinhos do Padrinho

Blogs participantes desta edição

Blogs indicados nesta edição

Chat do Yopinando no Discord

Até a próxima!

O NETOIN! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in NETOIN! ]

Conheça o autor do NETOIN!, visitante...
Carlírio Neto
Carlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade de minha humilde pessoa.

  • 3Blogger
  • Disqus

3 Comentários

  1. Yuri assisti mais em shoujo normais e confesso que no começo achava problemático , pois foi em Sailor Moon que me deparei com yuri , foi difícil de engolir na época e olha que não é tão visível , depois veio Sakura Card Captor , eu não gosto de Sakura e é mega visível pelo menos pra mim foi , percebi tudo , mais com o passar do tempo e vendo shoujo exploram melhor e com uma história que vai além do relacionamento , fui ficando menos chato e menos preconceituoso em relação a este tema .

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Devo discordar de ti, nobre, pois o anime de Sakura não deixa visível nenhum relacionamento destes. O que caracteriza ele melhor como shoujo-ai, onde há uma amizade com maior fluxo de sentimentos (ao menos no que tange à Daidouji Tomoyo).
      O mangá, sim, não faz questão de nada esconder mostra a situação um tanto mais crível que o anime. Mas, ainda assim, dizer que tem yuri ou yaoi (no caso do Yukito e o Toya) é difícil.

      Quanto à Sailor Moon, sendo bem sincero, as Sailors Urano e Netuno realmente são namoradas assumidas. Se acariciam e trocam palavras/olhares sentimentais. Mas não se beijam em nenhum momento. Isso tanto na série clássica quanto em Sailor Moon Crystal.

      Shoujos exploram melhor o tema? Tudo bem assim pensar, mas saiba que isto está bem distante de ser uma regra, rapaz.

      Se tu achou que o "yuri" no anime de Sailor Moon não foi visível, desculpe, mas na animação de Sakura Card Captor o mesmo é ainda menor.

      E sinceramente, embora possa entender o preconceito com este tema, não o vejo de maneira saudável e justa, tal como foi explanado no podcast.


      Até mais!

      Excluir
    2. Tudo bem Carlírio , respeito sua opinião , talvez por eu ter assistido primeiro Sailor Moon o clássico , quando assisti Sakuro Card Captor já tivesse um olhar diferenciado para relações tanto yuri , yaoi , shoujo ai e shounen ai , talvez isso me fez enxergar de forma mais fácil, eu sei que nem todos os shoujos tratam bem o tema e o usam mais como fan service , mas dá pra achar animes yuri mesmo , sem ser animes que só contém yuri , com boas história que vai além do relacionamento .

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - NETOIN! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons