Volta ao Passado - Mei Ling, a personagem necessária! ~ Netoin!

quinta-feira, 31 de julho de 2014

Volta ao Passado - Mei Ling, a personagem necessária!

Um sorriso sincero.

A personagem que teve a sua presença...

Que Sakura Card Captor é um anime que fez grande sucesso em seu lançamento no Japão e em vários outros países (incluindo o Brasil), não é algo que se discute com facilidade. A obra, que possuía as suas temáticas rígidas em algumas passagens de seu enredo, transmitia na maior parte do tempo uma calmaria bem explícita, mesmo com alguns perigos que rondavam a rotina da jovem Kinomoto Sakura durante a sua jornada para recapturar as Cartas Clow.

De maneira bem direta, tal título seguia desta maneira linear e sem adversidades pessoais, com exceção ao jovem Shaoran Li (que mudou seu discurso comportamental poucos episódios depois de sua aparição). Era um tipo de universo no qual não existiam conspirações ou grandes infortúnios pessoais. No mangá de Sakura Card Captor isto fez grande falta, pois um personagem que causasse algumas encrencas e mal-entendidos no enredo central seria bem recebido naquela ambientação que era pacífica até demais neste sentido.

Com a supervisão direta do grupo CLAMP foi, então, criada uma personagem exclusivamente para o anime de Sakura Card Captor. A mesma possuía a missão de trazer as ocorrências citadas no parágrafo acima para esta obra, fazendo um elo entre a paz e a confusão, além de também promover (mesmo que apenas inicialmente) alguns distúrbios emocionais (especialmente com o Shaoran Li e, mais tarde, envolvendo a própria Sakura). Nascia assim a concepção da Mei Ling.

Não se intrometa comigo, Sakura!

A Mei Ling é oriunda de Hong Kong, o mesmo país de procedência do Shaoran Li. Mas diferente do rapaz, a jovem não possuía dons mágicos. Diante disto ela resolveu treinar cada vez mais as artes marciais locais para, assim, não apenas ter força como também demonstrar determinação (que é uma das características mais positivas desta personagem). Ainda pequena havia declarado seus sentimentos ao garoto em citação, além de ter se proclamado como namorada dele até o dia no qual ele, Shaoran Li, encontrasse alguém que gostasse.

E o papel dela no anime foi o melhor possível. As impressões iniciais não poderiam ser outras além de uma garota metida, orgulhosa, mandona e prepotente. Mas com o passar dos episódios, a Mei Ling mostrou ter seu próprio carisma em potencial, sem precisar abandonar totalmente o seu comportamento conhecido. Quanto mais ela ficava ao lado de Shaoran Li, Sakura e Daidouji Tomoyo nas aventuras pelas Cartas Clow, a jovem não apenas mostrava toda a sua personalidade como também notava, mesmo que aos poucos, uma triste verdade sobre os seus sentimentos fortalecidos por tantos anos à fio.

Em si, Sakura Card Captor foi um anime memorável em diversas segmentações, mas a presença da Mei Ling deu um poder ainda maior para a obra, que carecia de uma personagem que ousasse desafiar toda aquela aparente paz  (na qual todas as pessoas se entendem de maneira incrivelmente bem). Pode-se dizer que esta é a forma correta de fazer uma obra ganhar ainda mais em seu contexto, sem existir a necessidade de mudar o mesmo ou transformá-lo em algo que não era originalmente.

Pontos para ela, Mei Ling...

Imagens...


"Olá, Shaoran!"


"Não se meta com o meu namorado, garota!"


"Como você ousa me desafiar, garota?"


"Shaoran irá reunir todas as Cartas Clow!"


"Hora da ação!"

Até a próxima!

O NETOIN! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in NETOIN! ]


Conheça o autor do NETOIN!, visitante...
Carlírio Neto
Carlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade de minha humilde pessoa.

  • 4Blogger
  • Disqus

4 Comentários

  1. A espontaneidade da Mei é cativante. No inicio lembro de achar ela meio chatinha, mas com o tempo foi me ganhando. No final, já estava até torcendo por ela. Adorável tsundere!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Tens total razão, nobre Roberta.
      Foi bem natural acharmos a Mei Ling chata (e até insuportável) no início), porém tudo isto era bem previsto. Não demorou para ela conquistar à todos, da menira como tu bem frisou.


      Mas torcer por ela, dadas as circunstâncias, era uma derrota certa. Infelizmente.


      Até mais!

      Excluir
  2. Suas palavras definem exatamente o que eu também passei, no inicio eu também não gostava dela, até que me ganhou de uma forma que até chorei quando ela saiu, rsrs, enfim, foi bem bonitinho, o anime da minha infância.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      Para quem se recorda deste anime, em uma época na qual ainda existiam investimentos na animação japonesa para a televisão aberta, Sakura Card Captor foi uma das mais gratas obras aqui exibidas.

      E sim, Mei Ling é digna por demais de toda e qualquer atenção.


      Até mais!

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons