Em pauta!

9 de abril de 2021

[N! Drops] Abr'2021 #15: a calmaria inicial de Super Cub


Calmaria...

A bem da verdade, quando a minha pessoa assistiu a alguns PVs de animes que iriam estrear nesta temporada de abril-2021, alguns deles chamaram a atenção positivamente. Um dos casos foi justamente da obra que será comentada neste post, nobre visitante. Até porque, quando se fala de ambientação escolar, cidade japonesa localizada no interior, e protagonista que vive só sob todos os aspectos, a fórmula para que tal anime caia no agrado deste humilde blogueiro acaba sendo muito bem resolvida.

Aparentemente, o título da vez deve ter algo de patrocínio bem direcionado, sendo este uma conhecida montadora de motos a nível mundial, cujo nome é Honda. Sua produção está a cargo da Bandai Namco Arts. Uma vez que este anime provém de sua história presente na light novel homônima, a adaptação do mesmo tem o Studio KAI como responsável. A obra, em si, tem como nome um dos produtos da já citada montadora, sendo ele Super Cub.

Toda a história por detrás de Super Cub, que é um anime centrado no gênero slice-of-life, tem em uma jovem estudante de nome Koguma a sua espinha dorsal. Ao menos, o seu episódio inicial mostrou isto de uma ampla maneira. E quando se fala em tal garota, é necessário saber que ela mora sozinha. Além deste fato, Koguma não tem amigos e nem perspectivas quanto ao seu próprio futuro. Na maior parte do tempo, ela se encontra com um olhar profundo para o "nada" e, raramente, esboça algum tipo de sorriso.

O cotidiano comum e normal da Koguma...
...enaltecido por suas idas de bicicleta para a escola.

Entretanto, esta jovem e extremamente quieta estudante tem algo que, mesmo minimamente, a deixa alegre. Sendo o caminho oposto às suas idas e vindas entre escola e casa om uma bicicleta, a Koguma sempre observa atenciosamente as motocicletas (scouters) que cruzam o seu caminho. Existe algo de paixão adormecida ali. E tudo começa mudar quando, em uma tarde após as aulas, ela resolve mudar de caminho e ir com sua bicicleta até uma loja de motos, no anseio de observar se tinha algo ali que a interessasse, especialmente no quesito financeiro da situação.

A história por detrás de uma motocicleta antiga não abalou a Koguma, que se interessou muito mais pelo seu baixo preço. Ela fez o teste, tirou a licença, conseguiu o emplacamento e, enfim, adquiriu a sua Honda Super Cub por irrisórios dez mil Ienes, com uma bela ajuda do vendedor que lhe atendeu do início ao fim. A partir disto, o episódio seguiu o caminho esperado, mostrando algumas idas e vindas da estudante com a sua motocicleta. Incluso nisto, um passeio noturno e alguns problemas inesperados - por ela - com a moto, resolvidos após providenciais consultas ao manual de instruções.

Um ponto chamativo está na quase ausência de diálogos deste episódio inicial que, se muito, não passou dos quatro minutos. Tecnicamente, o Studio KAI mostrou fazer um belo trabalho. Consideravelmente, a minha pessoa tende a agir defensivamente com este anime, Super Cub, dado o fato de ele ter se apresentado como extremamente pacífico, calmo e com zero inserções de ação. Contudo, e ainda assim, este blogueiro seguirá firme com a obra em pauta, havendo boas chances de sua sequência de episódios voltar a aparecer aqui no Netoin!.

E assim se seguiu...

Momentos



"Em sala de aula, a Koguma prefere olhar apara a janela..."


"Até que a jovem estudante tomou uma decisão. E então..."


"A scouter usada, a licença tirada, uma compra efetuada..."


"Olhares e cuidados da Koguma com a sua Honda Super Cub..."


"Alguém parece estar sem sono, pensando em algo importante..."


"Um passeio noturno, problemas inesperados e soluções no manual..."


"Do desespero ao alívio..."


Super Cub
Episódio #1 - "A garota sem nada"


"Sorriso ao dormir, após o primeiro passeio noturno..."

Até a próxima!

O Netoin! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in Netoin! ]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre este texto do Netoin!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Apenas uma observação deve ser feita, pois não será admitida nenhuma forma de spam.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!