Especial - O drama ocultado por cores vibrantes! ~ Netoin!

domingo, 20 de julho de 2014

Especial - O drama ocultado por cores vibrantes!

O logo da obra.

Hello!

Com muito prazer e gratidão que eu apareço mais uma vez a pedido do admirável Carlírio para realizar mais um gest post. Comentando sobre os animes da atual temporada, eu recomendei o anime DRAMAtical Murder para o humilde dono desse blog. Em uma conversa descontraída em que eu comparava algumas partes da adaptação com o original, ele propôs que eu fizesse uma review sobre o início do anime. Dessa forma, o cenário de Midorijima pede uma singela explanação.

Agora, você está convidado a acompanhar a minha mais nova participação nos ares do NETOIN!. Venha com Melima para mais esta aventura, visitante.

Introdução e comentários...

A festa terá início.

Com o monólogo da principal personagem e a frase referida acima, inicia a adaptação desta visual novel Boys Love. DRAMAtical Murder foi feita pela Nitro+CHiRAL, uma subdivisão da Nitro+ focada em jogos com a temática Boys Love. Pelo prólogo pode se perceber que em alguns momentos o enredo proporcionará situações reflexivas, serenas e cômicas, contudo esse período de paz não se estenderá por muito tempo, mesmo com suas cores e músicas vibrantes.

O primeiro episódio serviu de apresentação para o mundo em que se passa a história, com direito a aparição de quase todas as personagens do roteiro. O contexto inicial está inserido no futuro em que uma grande empresa chamada Toue almejava ter domínio sobre a ilha de Midorijima, impedindo uma melhor qualidade de vida para aqueles que não aceitaram as vontades dela. Essas pessoas viveriam isoladas como favelas do exuberante complexo em forma de cúpula chamado de Platinum Jail, tornando essa parte no conhecido Old Resident Destrict. Pelo poder detido no conglomerado Toue, ele intercepta as emigrações e imigrações da ilha, portanto isolam os moradores de obterem contato extra. Entretanto mesmo com todas as diversidades de uma vida prazerosa e sustentável disponibilizada pela Platinum Jail, essa não é considerada a melhor forma de viver na opinião de muitos.

Qual seria a verdadeira prisão?

Desta forma, o Olde Residente Distric predispõe de uma divisão natural com uma pequena dose de divisão de classes sociais e anseios. A parte Leste representa a downtown, como também é o lugar mais seguro. O Oeste é somente a área residencial. O Sul é região das lojas de roupas e entretimento, local mais popular dos jovens. O Norte é fora dos limites, ele se tornou uma cidade-fantasma desde que a Toue dominou a parte após o local para construir a Platinum Jail.

Nesta sociedade percebe-se o apreço dos jovens pelo estilo de luta Ribsteez, abreviado de Rib. Os membros de grupos de Rib possuem tatuagens em lugares específicos do corpo para demonstrarem qual grupo eles pertencem, sendo que aqueles não inseridos em nenhuma (No Marks), costumam sofrer preconceitos das gangues menores. Porém, também se encontra o grupo de jovens que simpatizam pelo jogo de realidade virtual chamado Rhyme.

Neste jogo, a batalha acontece junto com a versão online dos Allmates (inteligências artificiais, comumente chamados de pets), mas estas batalhas acontecem somente na mente das pessoas. O intermediador e responsável pela transmissão para o público é a mestra do jogo, Usui. Pela diferença das duas é possível analisar que as brigas e desgosto que os times de Rib e Rhyme possuem reciprocamente. O primeiro diz que não serve de nada lutar sem ter massa muscular e agilidade, enquanto que o segundo aprecia a inteligência e sagacidade.

Uma das maiores equipes de Rib: a Benishigure.

Dentro do Rhyme, existe o Drive-by, uma batalha de Rhyme forçada sem a presença de Usui. Nela não existem limites de dor, movimento e execução, por isso são mais eficientes que o Rhyme normal, entretanto os Rhymers podem sentir o dano que recebem em seu próprio corpo. Esse tipo de batalha ilegal vem crescendo muito entre os jovens, por objetivos desconhecidos que chamaram atenção de uma das autoridades da ilha.

Nesse futuro percebe-se que a polícia retém um poder mínimo sobre os cidadãos, uma vez que apenas um detetive consegue intimidar as pessoas. A prova dessa “incompetência” dos policais é visível quando observa os estados das ruas que interligam os quatro partes do Old Residente District, além de ver jovens usuários das drogas mais diversas em plena luz do dia. Acrescentando que as maiores diversões disponibilizadas pela Ilha são pela noite com os bares e hobbies que envolvam violência corporal ou jogos, e a dependência e preconceito tecnológico. Esses são elementos não muito distantes da nossa realidade, porque talvez o jogo quisesse focar nesse provável futuro para nossa sociedade.

Autoridade da ilha e um grupo sob investigação.

Outro aspecto da polícia seria que uma parte dela desfruta de uma relação de auxílio e benefício com os yakusas. Esses yakusas investigam os campeonatos de Rhyme, entretanto entram conflito com outra divisão da polícia. Por fim, a polícia preferiu abandonar a região Norte do distrito, atualmente comanda por presidiários.

O transporte público também representa um dos pontos negativos. A maioria dos cidadãos prefere caminhar pelos quatro distritos, principalmente pela falta de metrôs e taxis. O costume de caminhar e utilizar os Allmates como guia faz parte do dia de muitos, independente de toda a extensão de Midorijima.

O principal desse universo é o jovem Aoba Seragaki, um rapaz que optou por mudar seu estilo de vida para poder aproveitar momentos pacatos e simples em seu cotidiano. Ele não almeja se aventurar em problemas e situações perigosas, dispondo de uma opinião neutra sobre os grupos de Rib e Rhyme e uma visão crítica da sociedade que participa. Ele não quer carregar nenhuma dor de cabeça, além das suas enxaquecas naturais, amenizadas pelos remédios feitos por sua avó, Tae. Todavia, ele recebe continuamente a visita de algumas crianças em seu horário de serviço, como também declarações de clientes que se encantam pela sua linda voz. Ambos os fatos rotineiros nem sempre agradam ao mesmo. Independente disso, ele continua interagindo com as pessoas que gosta e que sente bem na presença deles, tais como seu amigo de infância, um amigo da adolescência, a sua avó e seu fiel e muito especial Allmate, Ren.

O condutor de todo o enredo chama-se Aoba.

Em um dia rotineiro, Aoba recebe uma mensagem de socorro do contato identificado como Captive Princess. Imediatamente ele exclui a mensagem por se tratar de um número desconhecido. Contudo no exato momento que realizava isso, os pequenos travessos aparecerem e o induzem a baixar um aplicativo estranho. Um tipo de rpg em que ele e Ren apenas observavam as ações automáticas da personagem que resultam em um final abrupto, necessitando de um patch para prosseguir o jogo. Ambos ficam sem entender o intuito do game, porém o desconsideram depois que o mesmo é finalizado.

Nesse mesmo dia, Aoba descobre que grupo lendário de Rib chamado Morphine retornou as atividades, pelos menos esse é o assunto comentado por muitas pessoas. Uma parte importante da comprovação dessa lenda e os seus responsáveis é mostrada de relance no segundo episódio.

De imediato isso não aparenta ser algo perigoso, mas pessoas estão perdendo a vontade de viver, se tornando semelhante a bonecas sem metas, depois que esses boatos foram ressurgidos. Isso ocasiona no afastamento dessas pessoas dos grupos de Ribsteez que eles participavam. Portanto, essa poderia ser uma iniciativa de um time extinguir o Rib através da amnésia e do desaparecimento dos Ribers, como também com sobreposição da Rhyme sobre o Rib.

O que estes olhos observam tão atentamente?

O Aoba não é um sujeito muito preocupado com isso e o tema prossegue em seu cotidiano. Contudo, pela sua infelicidade ele se envolve quando é forçado por um Rhymer desconhecido a duelarem no Drive-by. Esse que o nomeou como Sly Blue semelhante a um possível nome já utilizado por Aoba alguma uma vez no Rhyme. O que deixa Aoba perplexo, pois ele nunca participou desse jogo, somente observa a distância partidas esporádica. Por isso, ele decide desviar dos ataques do inimigo, enquanto Ren tenta descobrir uma forma de saírem de lá. Infelizmente, eles realizam que somente seria possível saírem daquela dimensão se ganhassem do adversário.

O principal não sabia que nessa situação ele estava sendo testado e estudo por dois lados diferentes, o primeiro seria o próprio o adversário do Drive-by, o outro seria o possível patrocinador das batalhas de Rhyme, os detentores de Usui. Uma teoria reforçada quando o grupo Toue analisa esse duelo de Aoba e Ren contra Rhymer desconhecido para eles.

A Toue se interessa por Aoba pelo fato de que ele conseguiu ganhar a luta através de ordens absolutas que seriam ditas apenas por um expert Rhymer e pela sua regeneração e a de Ren dentro do jogo. Dessa forma, o jovem parecia ter um poder extraordinário, possivelmente único. Entretanto. Aoba desconhece esse lado, pois ele não consegue se lembrar de mandar Ren atacar em momento algum, além de não saber como os dois chegaram ao seu local de trabalho. A última incógnita é revelada por um rapaz mascarado chamado Clear. Ele os levou para a loja. Motivo simples, ele considera Aoba seu mestre e o ajuda quando esse o precisa dele.

Aceitar um desconhecido, como sendo o seu mestre, não é algo muito natural...

Se o Drive-by não bastasse para confundir o jovem, aparece esse rapaz gentil, doce e um pouco infantil querendo o servir. Interpretando tudo como um sarro com ele, Aoba decide voltar a sua vida normal, preferindo esquecer o que passou e viu no dia anterior e atual. Ele prossegue reparando o banco de dados de Ren danificados pelo confronto, tomando seus remédios, porque suas dores de cabeça foram intensificadas após a partida. Então decide relaxar e conversar descompromissadamente com o seu amigo e seu avó.

Refletindo sobre os seus dias, ele percebe a oportunidade de interpretar tais ocorridos com ajuda de seu amigo de infância, contudo ambos não conseguem identificar uma explicação plausível. Esse amigo, Koujaku sugere que essas situações poderiam ser perigosas, aconselhando Aoba a manter distância até eles investigarem adequadamente o que os cercava.

Para isso, Koujaku conversa com o colega de Rib, Mizuki, sobre os possíveis acontecimentos enigmáticos de Midorijima, envolvendo Rhyme e os desaparecimentos. Dentre todos, Mizuki é o ribsteez mais preocupado com a situação do hobbie, ele não quer perder os vínculos que foram formados e não se imagina sem a Dry Juice. Graças ao Rib, ele pode desfrutar de amizades memoráveis, pois sua Dry Juice é semelhante a uma grande família.

Mais um cliente inesperado aparece. Não seria o mesmo?

Aoba volta para sua rotina de trabalho habitual no dia seguinte. De imediato ele recebe um cliente sério de aspecto peculiar. Cumprimentando e oferecendo ajuda para o rapaz, Aoba percebe que ele possui um objetivo enigmático, provavelmente tentará o conquistar utilizando de possíveis métodos persuasivos ou somente invasivos.

Aoba não consegue compreender como sua vida está turbulenta e cheia de incógnitas, no mínimo os fatos estão ocorrendo somente com ele, porque imaginar sua avó envolvida algum problema o deixaria extremamente preocupado e receoso sobre qual decisão tomar. Perder sua querida avó seria algo inimaginável. Por isso o jovem tentará compreender por completo que se passa em sua realidade e o porquê desses fatos estranhos estarem acontecendo especificamente nesse momento da sua vida.

A adaptação em resumo...

O caminho para uma adaptação fiel.

Nos dois episódios exibidos o anime tem adaptando bem a visual novel, alterando a exibição de algumas partes para melhor compreensão e interação com a trama. O anime tem me agradado muito, pois eu queria ver uma digna adaptação de uma obra da Nitro+CHiRAL, contudo o receio de que repetissem o mesmo que fizeram com Togainu no Chi estava presente. Eu anseio muito que o anime continue progredindo bem para o um final adequado e decente para a rota principal, algo que deixaram um pouco explícito pela abertura.

As cenas das batalhas de Rhyme estão com uma qualidade de 3D mais simples que as demais cenas, mesmo assim estão agradáveis e bonitas de ver. Talvez isso seja pelo novato estúdio NAZ, ou pela estréia de Kazuya Miura na direção , ou pela falta de verba para produzirem uma animação em 3DCG em grandes padrões. Algumas mudanças mínimas ocorreram nos cenários e nos characters designs, entretanto isso representa um fator pouco desagradantes, pois em uma adaptação, nem tudo será igual à obra original.

Recomendações finais e agradecimentos...

Um confortável e descompromissado sono...

O anime não parece focar no yaoi, nem em algumas classificações aparece o gênero. Pelo pouco mostrado, parece que deixaram ao menos um leve fanservice implícito. Essa é uma questão com muitas divergências, pois se tratando de um Boys Love, uma parte do fandom adoraria ver seus shipps favoritos se relacionando, porém, eu preferiria ver personagens queridas por mim, animadas dignamente como primeiro objetivo. O enredo pode disponibilizar esses dois aspectos juntos, como também separadamente, por isso, acredito que o anime está prosseguindo positivamente. DRAMAtical Murder merece uma adaptação ótima e eu anseio em assistir isso.

Eu recomendo o anime para aqueles que buscam um roteiro interessante e com as marcas características da Nitro+, os conhecidos temas darks e twists surpreendentes estão presentes em DRAMAtical Murder e nas demais obras da Nitro+CHiRAL. Não é preciso apreciar apenas yaoi para reconhecer que o poder enredo pode proporcionar ao público.

Agradeço à sua atenção por ter lido este post um pouco extenso. Sou grata demasiadamente, e mais uma vez ao Carlírio, por esta nova oportunidade e pela confiança. Espero que tenha auxiliado e despertado o interesse dos leitores em conhecer esse mundo expressivo através de bonitas imagens e cores, uma OST atraente e um enredo envolvente.

Extra com imagens...


"Nós somos a equipe Dry Juice!"


"Nada de vírus, nem de spams, pois o Aoba não permite isto por aqui, certo?"


"Poderá o Aoba descobrir o segredo por detrás desta batalha?"


"O que estaria influenciado na calmaria habitual da ilha de Midorijima?"


"Carinho ou romance?"

O NETOIN! agradece a sempre nobre Melima por sua participação
neste guest post sobre DRAMAtical Murder.

Nobre visitante, você gostaria de fazer um guest post para
este humilde site? Tem um anime ou mangá de preferência?
Relate nos comentários pois, em breve, haverão
novidades sobre isto!

Até a próxima!

O NETOIN! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in NETOIN! ]


Conheça a convidada do NETOIN!, Melima...
Melima
"I think... I write a chapter."

Esta é a jovem Melima, sonhadora e amante de um bom drama e muito mais...              

  • 0Blogger
  • Disqus

Deixe o seu comentário

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons