Encarando mudanças com Ojii-san no Lamp... ~ Netoin!

domingo, 24 de junho de 2012

Encarando mudanças com Ojii-san no Lamp...

Ojii-san no Lamp.

Saudações, amigo visitante. Este blogueiro lhe faz um convite especial, para acompanhar a nonagésima primeira review de anime deste humilde blog. Um texto especial sobre uma obra extremamente simples em seu propósito, mas competente o bastante no resultado obtido.

Esteja ciente, desde este momento, que não se tratará de um título badalado, nem tampouco de algo mais recente. A obra que será aqui comentada transmite uma mensagem suave e doce, o bastante para fazer com que você pense e repense sobre o tema proposto pelo anime. Até porque, tal tema se faz ( ou se fará ) presente na vida de cada pessoa...

Assim sendo, você conhecerá um pouco à respeito de uma animação chamada Ojii-san no Lamp. E estejas certo de que, o toque sentimental dado pela obra, é mais do que suficiente para garantira recomendação da mesma. Tenha uma boa leitura.

Início simples e bem chamativo...

O senhor Minosuke.

Ojii-san no Lamp é um OVA de episódio único, produzido pela Telecom Animation Film. Com uma duração próxima dos vinte e cinco minutos, esta obra retrata um tema comum para muitas pessoas ao redor do globo. Não é algo de natureza banal, mas sim notório e até constante.

Tudo tem início com uma brincadeira simples entre jovens garotos. Um deles faz uso de um objeto muito antigo para poder brincar com os seus amigos, o que acaba lhe valendo uma repreensão por parte de seu avô. É bem verdade que nada mais grave tenha ocorrido, substancialmente. Contudo, o que conta muito aqui é o fator nostalgia guardado durante muito tempo pelo detentor de tal objeto.

Este objeto é uma lâmpada, que se fazia funcionar do modo mais clássico possível. Ela era muito útil em uma época passada, onde poder andar pelas ruas ao entardecer não passava de um simples sonho para muitos. Tanto que, mais tarde, tal senhor resolveu contar para o seu neto a própria história, de quando era mais jovem, o que fazia valer as ligações mais saudosistas possíveis com tal lâmpada.

O jovem Minosuke, obcecado pelas lâmpadas...

Este senhor chama-se Minosuke. Quando criança, ele tinha que batalhar duro para poder sobreviver. Tanto isso é verdade que ele nem podia estudar, por suposto, em razão da falta de tempo para tanto. O jovem Minosuke não tinha nem uma moradia própria, pois vivia de favor na propriedade do mandatário da vila.

Seu dia a dia baseava-se em realizar tarefas ( das mais diversas ) para os moradores da vila. Uma garota que trabalhava no arrozal da localidade o observava sempre, graças ao esforço e empenho demonstrados constantemente pelo Minosuke.

Em certa oportunidade, Minosuke acabou indo para uma cidade ( após finalizar um trabalho que lhe valeu um bom dinheiro ). Ele se encantou com as luzes que se faziam seguir por entre as casas e as ruas, possibilitando aos locais uma nova experiência para a época em questão. Para o rapaz, levar tal novidade para a vila onde residia tornou-se uma grande obsessão, que lhe custou muito esforço e uma boa dose de seriedade. O resultado foi o mais positivo possível.

O suave e pronto prosseguimento...

Setsu e Minosuke, quando mais jovens.

À partir do ponto registrado no último parágrafo, Ojii-san no Lamp faz um suave convite para quem o assistir: ao mesmo passo em que se tem uma breve noção da chamada ocidentalização japonesa, há também uma chamada para um temor comum entre as pessoas. Tal medo está em se enfrentar aquilo que pode ser considerado como novo ( ou então como desconhecido ).

Neste segmento, Minosuke já está casado com aquela jovem que tanto o observava quando criança, sendo seu nome Setsu. O rapaz está muito feliz e satisfeito com as lâmpadas, não por "apenas" lhe prover o sustento de sua família, mas principalmente por ter se tornado uma paixão para ele.

Minosuke adorava cuidar das lâmpadas. Vendê-las e explicar seu funcionamento para as outras pessoas o deixava muito satisfeito, ao ponto de sentir-se demasiadamente bem com isso. Neste caso, pode-se notar que o rapaz fazia aquilo que gostava, exercia uma profissão que via como a mais indicada e que lhe proporcionava tudo de que precisava, em absoluto.

Minosuke e sua verdadeira paixão pelo seu oficio à toda prova...

Entretanto, se faz aqui citar o período no qual o mundo ocidental ( e suas novidades ) começa à apartar gradativamente em solo japonês. As lâmpadas que Minosuke tanto admirava vieram de tal processo mas, mesmo elas, sofreram com a chamada modernização.

Ojii-san no Lamp começa a focar nos sentimentos de Minosuke quanto à sua paixão profissional, na eminência da mesma se tornar obsoleta. A razão para tanto está na chegada da energia elétrica, que dispensava o uso do fogo e chamava a atenção das pessoas por se tratar de uma forma de iluminação mais segura e vantajosa.

Procurar se situar no lugar do Minosuke passa à ser o novo desafio proposto pela obra animada. Como se manter bem consigo mesmo, sabendo que a sua profissão está prestes à se tornar inviável? Como fazer para que isso não impacte, diretamente, em sua vida pessoal e em seu laço familiar? Estas questões formam todo o círculo de observação acerca de Ojii-san no Lamp, no intuito de lhe levar ao raciocínio lógico ( e sentimental ) sobre como fixar-se em meio a um Japão atraído pelo chamado "novo".

As lições

Como lhe dar com as situações adversas?

Amigo visitante, possivelmente já deves ter passado em sua vida por momentos em teria que enfrentar algo que considere como desconhecido ( seguramente, este blogueiro tem passado por isso em vários momentos ). Inevitavelmente, isso se traduz em vários sentimentos e em formas de focar a situação. O receio é constante neste cenário, onde Minosuke acaba ministrando um claro exemplo disto.

O cenário é um certo ponto na história japonesa, em que o mundo ocidental começa a sua aproximação com a terra do Sol nascente. Especificamente para quem vivia longe dos chamados grandes centros, toda e qualquer novidade era vista com certo desdém pelas pessoas. Neste caso, não havia unicamente o receio pela chegada das novidades, mas também o pensamento ostentado pelo dito tradicional, fincado na questão de que a vida poderia prosseguir como sempre sem nenhuma intervenção externa.

Em si, a animação não tem por foco dar uma lição de moral, mas sim de mostrar que a preparação para "o novo" nem sempre é compartilhada por todos. Ojii-san no Lamp mostra, diretamente, que não adianta aceitar uma novidade sem estar preparado para a mesma. E no que diz respeito ao sentir-se preparado, se faz aqui uma alusão não apenas ao fator profissional, mas sim principalmente ao dito emocional.

Objetivamente

A Setsu, mais adulta: grande importância na vida do Minosuke...

Ojii-san no Lamp é um verdadeiro livro aberto. Trata-se de um convite estampado a racionalização e a emoção, quase simultaneamente. A simplicidade de sua história alinha-se perfeitamente à questões humanas demasiadamente comuns e presentes nos dias atuais, com uma passada saudável e tranquila de se acompanhar.

Nota-se que este OVA não teve um grande orçamento ao seu favor, uma vez que sua animação, cenários e parte sonora apresentam-se como sendo bem simples para os padrões mais atuais. Entretanto, todas as características citadas trabalham juntas em uma harmonia quase perfeita. Não há maquiagens: o que existe neste OVA é um trabalho bem feito, acochegante aos olhos e plenamente satisfatório na ideia passada pelo mesmo.

Por tudo que foi aqui apresentado, Ojii-san no Lamp tem uma recomendação bem positiva. Se puder, assista-o. Deixe-se levar pelo carisma, pelo medo e pela emoção. Tudo da forma mais amigável e singular possível...

[ made in NETOIN! ]

O autor do NETOIN! é...
Carlírio NetoCarlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade deste humilde blogueiro. Veja um pouco mais sobre o autor do blog NETOIN!aqui.

  • 1Blogger
  • Disqus

1 Comentário

  1. Ótima review desse infelizmente curto anime q possui um clima amistoso e nostálgico

    ResponderExcluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons