Em pauta!

sábado, 11 de julho de 2020

[N! Drops] Jul'2020 #24: os primeiros momentos de Nihon Chinbotsu: 2020


Destruição...

Um anime em formato ONA (inglês: Original Net Animation) estreou e se encerrou no início deste mês de julho. O mesmo já havia sido comentado aqui no Netoin! em maio [veja a nota aqui], contando uma apresentação quanto ao seu enredo, equipe de direção e origem de tal obra. Trata-se de Nihon Chinbotsu: 2020, título este cuja temática de tragédias e destruição causadas por forças da natureza, ganha muitos pontos de atenção e curiosidade quanto ao seu prosseguimento. Em síntese, o Japão como nação, no âmbito do anime em pauta, está para - gradativamente - deixar de existir.

O cenário de Nihon Chinbotsu: 2020 (inglês: Japan Sinks: 2020; português do Brasil: 2020 - Japão Submerso), tal como se faz sugerir no próprio nome, está em 2020. Mais precisamente, pouco tempo antes de Tóquio receber atletas de todo o planeta para as olimpíadas. A decisão de trazer a animação para tal período soou deveras interessante, pois os holofotes esportivos do mundo miram para o Japão e - com a temática da obra em si - o ganho em atenção torna-se ainda maior, dado o fato (não presente na animação) da pandemia atravessada pelo mundo no momento. Esta é uma adaptação da novel original da obra para os tempos atuais que, entre outras mídias, já contou com filme lançado em 2006 [veja o post referente aqui], que foi também adaptado da novel em um modal próprio.

Importante ressaltar que o anime não foca no evento desportivo citado, mas sim na busca pela sobrevivência de uma família comum que, na iminência das sérias ocorrências no país, tenta arranjar uma direção para dali em diante. Basicamente, todo o espectro da obra é passado logo no primeiro episódio, deixando à vista clara a mensagem da obra e como seria o seu desdobramento. Entretanto, nem tudo foi destruição e mortes, ao menos não nos primeiros minutos de exibição, que mostraram os integrantes da família Mutou em suas ocupações.

A família Mutou.
Ayumi vendo a sua casa simplesmente destruída...

No avião está a mãe da família, Mari, voltando de viagem. Em um estádio de atletismo - existente desde a olimpíada de 1964 - encontra-se a jovem Ayumu, treinando os cem metros. No novo Estádio Olímpico de Tóquio está o pai da família, Kouichirou, laborando em grandes alturas. E na casa dos Mutou, o caçula Gou está a se divertir com o seu videogame de mão. Aquele início de tarde, não apenas para estes personagens como também para milhões de pessoas por todo o arquipélago nipônico, estava para marcar uma guinada em suas vidas, a princípio com fortes tremores de terra que assolaram a capital do país por completo. 

Em seus três primeiros episódios, o anime abordou diferentes pontos de uma tragédia deste nível. Desde corpos amassados e triturados espalhados, passando pela fumaça e fogo tomando conta da cosmopolita Tóquio, mostrando o desespero do ocorrido e a desconfiança nas informações por parte da população, até chegar às tentativas de aproveitamento da situação, seja obter vantagens ou para buscar chantagem de níveis como o sexual. No âmbito da família Mutou, alguns comportamentos em especial ficaram em clara evidência. A Ayumu já tinha tendência a emocionar-se com facilidade, e tudo que via ao seu redor piorou esta condição. O Gou gosta de falar em inglês de maneira solta, além de mostrar ter apego gradativo aos demais em sua volta. Por sua vez, a Mari é bem polivalente e dinâmica. O Kouichirou apresenta-se como sendo um verdadeiro "canivete suíço" em forma humana. Neste meio surgiram personagens que adicionaram muito para a trama, como o até então enigmático Koga Haruo e uma amiga da família, a Miura Nanami.

Deve-se aqui enfatizar que, tecnicamente, o anime mostrou ser muito bem dirigido. Merece também destaque a muito boa atuação dos dubladores, sendo isto direcionado às vozes brasileiras nesta obra, na versão em português disponível na Netflix. O tema de abertura é belíssimo. E com base em tudo que foi aqui descrito, Nihon Chinbotsu: 2020 será visto até o fim, pois seus episódios iniciais foram interessantes o bastante para tanto. Tenha a certeza, nobre visitante, de que a família Mutou terá muitos percalços - e perdas - em sua busca pela sobrevivência. 

Aguardar é preciso...

Momentos...



"Avistando a tragédia..."


"A destruição em Tóquio..."


"O Monte Fuji, belo e perigoso ao mesmo tempo..."


"A destruição pelo país..."


"Maneiras distintas de sentir saudades..."


Nihon Chinbotsu: 2020
Episódio #1 - "O início do fim"
Episódio #2 - "Adeus, Tóquio"
Episódio #3 - "Nova esperança"

Dica de post aqui no Netoin!

Acessos para Nihon Chinbotsu: 2020


"Um momento forte..."

Até a próxima!

O Netoin! está com você, no Facebook e no Twitter

[ made in Netoin! ]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê a sua opinião sobre este texto do Netoin!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Apenas uma observação deve ser feita, pois não será admitida nenhuma forma de spam.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!