Especial Key Visual Art's - parte #3: jogos oficiais e não oficiais da Key... ~ Netoin!

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

Especial Key Visual Art's - parte #3: jogos oficiais e não oficiais da Key...

A chamada para a parte final deste especial sobre a Key.

Seja bem-vindo, nobre visitante. O NETOIN! lhe apresenta a terceira e última parte do especial sobre a Key Visual Art's. Nas edições anteriores, você pode conferir os textos do Alberto "DeCyber" ( sobre a história da Key ) e do Leandro Nisishima ( sobre os animes da Key ). Diga-se de passagem, excelentes textos.

Agora, o texto está a cargo deste humilde blogueiro. A temática desta parte final estará centrada nos jogos oficiais e não oficias da Key. Você ficará a par de alguns jogos doujins muito interessantes, que envolvem os personagens e até os cenários completos dos animes da Key. Obviamente, os jogos que levam a assinatura da Key não ficarão de fora, estando os mesmos amostra para você nos parágrafos mais abaixo.

Visitante, aprecie o texto e tenha uma boa leitura.

A definição para doujin...

Air Tennis.

Doujin é um trabalho não oficial, feito por fãs de uma determinada série. Especialmente em se tratando do Japão, existem muitos games ao estilo doujin feitos pelos apreciadores de animes. Tal trabalho, ainda assim, pode ser patrocinado ou não. Geralmente, os jogos doujins são vendidos nos grandes eventos japoneses, em especial, o Comiket.

Embora não seja uma regra à ser seguida, é mais fácil de se encontrar games doujin de animes cujo roteiro seja de uma comédia romântica, ou de uma Visual Novel. Animes como Lucku Star, Suzumiya Haruhi no Yuuutsu, Kanon, e até títulos mais antigos como Azumanga Daioh fazem a cabeça deste pessoal, resultando em games realmente criativos e interessantes.

Doujins baseados nos títulos da Key...

Ação e aventura...

Tomoyo Fighter Plus: Sunohara's Side.

São jogos de scroll lateral. Assemelham-se à títulos extremamente conhecidos como o Final Fight, porém são feitos em uma arquitetura mais simples, mas nem por isso não são caprichados. Atualmente, estes mesmos jogos são feitos com uma complexidade muito maior do que à poucos anos atrás.

Os jogos apresentados são Kanonix e Tomoyo Fighter Plus. O primeiro título apresenta as paisagens e personagens de Kanon, sendo bem simplório, adotando o clássico esquema de "andar e bater". Com uma jogabilidade básica o jogo acaba possuindo uma dificuldade apenas mediana mas, ainda assim, consegue entreter na medida.

O segundo título remete à Sakagami Tomoyo, personagem de Clannad. Poderosa e forte como no anime citado, ela não demonstra ter muita compaixão pelos seus oponentes neste jogo. Com o nome completo de Tomoyo Fighter Plus: Sunohara's Side, o coitado do Sunohara acaba servindo de estopim para a pancadaria acontecer pelas ruas da cidade. uma considerável gama de personagens de Clannad se fazem presentes neste jogo, que é possuidor de um replay value muito alto, graças aos personagens secretos existentes no mesmo, apenas no aguardo para serem liberados.

O Tomoyo Fighter possui um tipo de add-on ( ou se preferir assim conceituar, uma sequência ), nomeada como Tomoyo Fighter Perfect.

Fighting

Eternal Fighter Zero.

Os jogos de luta são populares e apresentam uma leve variação, que é muito bem-vinda. Contendo os modos mais conhecidos da multidão ( como o arcade e o versus ) os games deste gênero sempre estão entre os mais procurados, fato este que não muda na área dos doujins. Os jogos apresentados serão Air Force, Kanon and Air Smash, Eternal Fighter Zero e Mai.

O primeiro título apresenta praticamente todos os personagens de Air TV, onde até o cachorrinho Potato faz a sua aparição. O segundo título conta com personagens tanto de Air TV como também de Kanon, sendo um jogo mais descontraído, similar nesta em sua ideia à série Super Smash Bros.

O terceiro título é uma verdadeira obra de arte. O jogo Eternal Fighter Zero apresenta várias personagens dos games da Key, à exceção de Clannad. A movimentação dos personagens é concisa e bem variável, possibilitando uma boa gama de possibilidades de atuação. Sons, cenários e a jogabilidade presentes neste jogo são dignos de grandes empresas. A chance de se descontrair por horas à fio é notória.

O quarto título faz uma menção às personagens de nome Mai, que se fazem presentes em vários animes. A representante da Key é a Kawasumi Mai, de Kanon.

Miscelânea

Clannad Spelunker.

São jogos diferenciados, contendo puzzles e exigindo muita estratégia em alguns casos. São apresentados os jogos Air Flight, Air Tennis, Ayu Punch, Nagisade de Panic, Clannad Spelunker e Pocket Kanon e Air.

No primeiro jogo, você controla a Misuzu de Air TV, que deve coletar todos os itens de um cenário para avançar no mesmo. Esta mesma personagem aparece também no segundo título, mas para descontrair em um jogo cujo objetivo é o de eliminar as peças do cenário com uma bola de tênis.

O terceiro título é bem familiar. No controle dos personagens de Kanon, você deverá eliminar os inimigos que vão aparecendo, ao clássico modo de um certo herói da Nintendo. No quarto título, a Furukawa Nagisa de Clannad deve passar por vários cenários, antes que os próprios terminem com a aventura dela ( o conceito pode parecer confuso, mas funciona ).

O quinto título é uma aventura com as garotas de Clannad ( a Kotomi e a Nagisa estão muito legais neste jogo ), onde você deverá passar por perigosas dungeons e caminhos repletos de ação para alcançar a saída para a fase seguinte. Disparadamente, Clannad Spelunker é o melhor jogo desta área de miscelânea, não apenas pela forma adorável com a qual as personagens se fazem apresentar, como pelo nível de dificuldade extremamente desafiador.

E o sexto título é uma divertida batalha ao melhor estilo Bomberman de ser, envolvendo os personagens de Air TV e de Kanon.

Shooting - STR

Clannada.

E para encerrar, tem-se os jogos de nave. Clássicos, porém ainda chamativos. São apresentados os jogos Air Rade and Air Rade in Summer e Clannada.

O primeiro título apresenta as personagens de Air TV voando literalmente pelos céus, destruindo uma grande quantidade de inimigos fofinhos, em cenários bem chamativos ( como nuvens na forma do Potato, por exemplo ).

O segundo título tem como personagem a Furukawa Nagisa de Clannad, que também sai atirando em coisas pelos céus, assemelhando-se neste quesito ao game apresentado anteriormente ( dangos e mais dangos pelas telas do jogo ).

Os jogos oficiais da Key

As garotas da Key.

Os games que levam a marca registrada da Key são fascinantes. Possuidores de histórias bem diferenciadas, personagens muito carismáticos e situações conflitantes entre os mesmos, os jogos produzidos pela própria Key reforçam um saudável convite da diversão e da compreensão existentes por detrás das Visual Novels.

Contando com histórias que se passam em um futuro distante, com um romance escolar, uma estória de vida, ou até com antigas lendas presas no tempo presente, a Key parece não apenas agradar aqueles que gostam destes tipos de segmento, como também explora os sentimentos humanos daqueles que jogam.

São muitas as passagens emotivas, que conseguem explorar os mais variados sentimentos na medida em que se avança nestes jogos. As reações costumam ser bem diferenciadas ( dependendo do arco em andamento ), onde o jogador tenta seguir o caminho que julga ser o mais correto, para chegar a um final por ele esperado.

Entretanto, uma empresa anterior foi a precursora da atual Key, uma vez que muitos integrantes de seu time de produção hoje estão na mandatária de Clannad e companhia.

A Tactics Works

One.

A Tactics Works é a detentora de alguns jogos, entre os quais destacam-se: One, Moon e Dousei.

Dos três, a história de One aparenta ser a mais chamativa. O sonho é a palavra chave deste título, que recebeu animação ( em OVA, com quatro episódios ). Em Moon, você joga com uma personagem feminina, de nome Ikumi Amasawa, que busca desvendar os mistérios sobre a morte da própria mãe.

E um detalhe bastante curioso: em todos os jogos da Tactics, uma garota é a protagonista ( a personagem que você controlará ), diferenciando-se neste aspecto à grande maioria das visual novel's, nas quais um rapaz é o protagonista.

Em todos os jogos ( como de praxe ), o que determina o final do jogo são as ações escolhidas pelo jogador.

Made in Key

Air.

Os jogos que levam a assinatura Key ( com incontestável categoria ) são um grande espetáculo, sendo este fato atribuído para seus personagens, histórias e demais característicias similares que se façam existentes em seus títulos.

A história mostrada em Air é digna de aplausos. Contando com opiniões divergentes quanto ao seu final, Air baseia-se na vida da jovem Kamio Misuzu, que vive em uma pequena cidade japonesa com sua tia. Por possuir uma "estranha doença" ela é evitada na escola, sendo que graças à isto não possui amizades. Mesmo em casa, o convívio com a sua tia é o mais breve e rápido possível.

À bem da verdade, a "doença" da Misuzu provém de uma lenda sobre seres alados. E parece que ela é a reencarnação destes seres. Obviamente ela não possui asas, mas todo o sofrimento destes seres estão dentro dela.

O jogo de Air conta com outros arcos, cada qual caraterizado por uma das principais personagens desta obra. Este jogo não se faz recomendar para todas as idades, uma vez que o mesmo possui passagens ao melhor estilo hentai de ser.

Planetarian.

Um mundo apocalíptico, onde a raça humana desaparece aos poucos e a chuva ácida cai constantemente. Este é um breve prefácio para a estória emocionante contada em Planetarian.

Uma garota robô de nome Hoshino Yumemi está à vagar nas ruas das cidades arruinadas pela chuva ácida e pelas guerras. Ela está em busca de objetos de importância, o quem vem a caracterizar os serviços de uma junker ( mas ela não é a única ). A busca destes objetos é para consertar o Planetarian Projector. E a aparição de robôs que só fazem destruir tudo à sua volta é algo que chama realmente a atenção...

Neste jogo, você deve controlar um junker e sair coletando tais objetos. Ao contrário do que se fez citar para Air, Planetarian não possui faixa indicativa de idade, uma vez que não existem cenas do tipo hentai no mesmo.

Kanon.

O jogo de Kanon foi o grande alicerce para a criação do remake animado pela Kyoto Animation ( o conhecido Kanon 2006 ). E realmente, o jogo surpreende com uma história chamativa e envolvente, contando com personagens densamente carismáticos e passagens emotivas, que poderão levá-lo da fúria às lágrimas em questão de alguns minutos de jogatina.

Os arcos principais ( pertencentes às personagens Naiyuki, Shiori, Mai, Ayu e Makoto ) formam o espetáculo e apresentam todo o contexto por detrás deste jogo. Na pele ( por assim exclamar ) do jovem Yuichi, o jogador deve escolher aquele caminho que julgar o mais correto, o que poderá acarretar em um grande amor ao final do jogo.

As passagens contadas nos arcos testam não apenas a intuição do jogador na busca pelo final que venha à julgar como o mais adequado, mas também ( e principalmente ) testa as reações do mesmo. Kanon possui muitos elementos que chama a atenção. À isto soma-se o fator do jogo ser extremamente longo.

Vale ressaltar que Kanon possui uma faixa etária adulta, uma vez que este jogo contém passagens hentais, de acordo com os caminhos que venham à ser escolhidos pelo jogador.

Clannad.

Um título envolto por muito drama, que começa de forma inocente mas que, aos poucos, vai se tornado mais forte em seu conteúdo e mais profundo em seus arcos. Esta frase pode servir de resumo para o jogo de Clannad, que apresenta uma característica bastante peculiar: são mais de vinte mil linhas de diálogo presentes neste jogo, fazendo com que o mesmo seja tão longo quanto se possa presumir.

Seus arcos assemelham-se, em parte, aos apresentados no jogo de Kanon. No entanto, na primeira investida o que prevalece é o ambiente escolar, sendo modificado mais tarde para um ambiente bem mais dramático.

No controle do "delinquente" Okazaki Tomoya, o jogador deve buscar sempre o caminho que julgar o mais sensato, de arco à arco, onde uma das principais personagens ( Nagisa, Kotomi, Fuko, Tomoyo e Kyou ) poderá acabar nos braços do rapaz. Vale ressaltar que, devido à extensa linha de diálogos presente no jogo, os caminhos à serem tomados poderão ser os mais diversificados e, de certa forma, até inesperados.

A ambientação deste jogo é muito boa e, assemelhando-se à Planetarian, não possui conteúdo adulto. Entretanto, Tomoyo After: It's a Wonderful Life ( um tipo de "continuação" para Clannad ) possui as cenas para adultos, que não se fazem presentes no jogo original.

Little Busters!

O jogo Little Busters! é mais um cuja ambientação escolar predomina com força. O protagonista deste universo chama-se Riki Naoe, sendo ele o fundador do grupo que leva o mesmo nome do jogo. Este grupo é composto de quatro rapazes e uma moça, sendo todos amigos de infância. Mais tarde, durante o segundo ano colegial, o grupo decide jogar uma partida de beisebol ( o esporte mais popular do Japão ) e, com isto, resolve-se adotar a inclusão de cinco novos membros que, por sua vez, são todas garotas.

O interessante deste jogo é que, além de ser uma Visual Novel, o mesmo possui arquétipos e momentos pertinentes à um jogo de luta. Esta última característica deve, em tese, atrair os jogadores mais descompromissados com o estilo central do jogo. Ressalta-se, para todos os fins, que Little Busters! não abandona a sua linha de diálogos e os modos de ação em comuns à uma Visual Novel.

De forma direta, Little Busters! não possui conteúdo adulto. Mas o jogo possui um tipo de sequência que, possivelmente, deve agradar aos que procuram uma pitada de hentai no mesmo. No caso, a procura deve ser feita pelo jogo Little Busters! Ecstasy.

Rewrite.

Rewrite é o jogo que foi anunciado em 2008, mas que acabou sendo lançado apenas em 2011. A sua estrutura básica está na plena interação entre jogador e personagem. Para tanto, respostas adequadas às questões que se fazem aparecer, bem como importantes decisões à serem tomadas durante o jogo, definirão o futuro ou fracasso de quem estiver jogando-o.

Consigo, Rewrite apresenta uma inovação: mini games. Os mesmos são acessados através do sistema de GPS do jogo, batizado de Mappie. Com uma história que remete à natureza e à interação da mesma com as pessoas, Rewrite poderá lhe agradar na certeira medida.

Ressalta-se, neste momento, que Rewrite não possui conteúdo adulto. Entretanto, se esta for a grande questão ou razão para comprá-lo, foi lançado no dia 27 de julho último o jogo Rewrite Harvest festa!, cuja faixa etária é de quinze anos de idade.

Kud Wafter.

Kud Wafter é uma Visual Novel de caráter adulto. Isto se justifica por meio de duas linhas para compreensão. A primeira delas está na presença de alguns personagens das séries Little Busters! e Little Busters! Ecstasy neste jogo. A segunda e mais importante está no fato de Kud Wafter ser um spin-off de Little Busters! Ecstasy.

Em si, o jogo se baseia na plena interação entre jogador e personagem, onde os caminhos e decisões à serem tomadas impactarão diretamente no final deste jogo. Até porque, Kud Wafter possui muitos finais possíveis de serem alcançados. Apesar do conteúdo um tanto quanto mais sério, este jogo centraliza-se nos gêneros drama e romance.

No mais, Kud Wafter não difere tanto dos demais jogos da Key mas, certamente, possui os seus próprios atrativos. Isto ajuda de diversas formas no quesito replay value do jogo.

Texto de Carlírio Neto

Os rapazes da Key.

Desta forma, encerra-se este especial em três partes sobre a Key Visual Art's. Este humilde blogueiro anseia, desde este momento, que você tenha gostado do que leu e que tenha aprendido ainda mais sobre a respeitável Key.

Até a próxima.

- Fale com o NETOIN! por: FanPage / Twitter / E-mail / Comunidade -

[ made in NETOIN! ]

O autor do NETOIN! é...
Carlírio NetoCarlírio Neto, um fã de animação e cultura japonesa desde os anos noventa. Dramas são a especialidade pessoal. O personagem Wataru, de Sister Princess, representa bem a personalidade deste humilde blogueiro. Veja um pouco mais sobre o autor do blog NETOIN!aqui.

  • 4Blogger
  • Disqus

4 Comentários

  1. Respostas
    1. Saudações


      Eternal Fighter Zero é bom demais, seguramente!^^


      Até mais!

      Excluir
  2. especial muuuito bom.

    Eu gostaria d fazer uma parceria com vcs. nós tbm fazemos reviews e criticas de animes. aqui o email da gente: tree_egggs@hotmail.com

    abraços e sorte ao site!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudações


      hehehe...
      Trabalho sozinho neste blog, nobre. Mas sim, agradeço pelo seu pedido de parceria.

      Mandarei e-mail para breve.


      Até mais!

      Excluir

Dê a sua opinião sobre este texto do NETOIN!, visitante.

Critique, elogie, argumente sobre o post que acabou de ler.

Quer indicar alguma matéria? Fique à vontade. Esse espaço também é seu.

Expor as ideias é legal e algo bem-vindo, tenha certeza. Apenas peço para que mantenha o bom senso no que você escrever.

Agradecido pela sua visita e por seu comentário.

Até mais!

comments powered by Disqus
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

 
Blog sobre animação japonesa - Não copie os textos. Favor entrar em contato com o dono do blog para maiores dúvidas e detalhes. - Netoin! 2006-2017
^
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons